Jornalismo Crítico | Biblioteca e Edição Brasileira | Copyleft | Contato | Participe! |
Uma iniciativa


» Pulitzer: um tapa na cara do Estado de vigilância

» O golpe contra os trabalhadores

» Daniel Ribeiro e a estratégia do eclipse

» Independências, o novo fantasma europeu

» Independências, o novo fantasma europeu

» Auto-retrato de escritor “quase inverossímil”

» Fragmentos de discursos: Oswald visto por A.Candido

» O Brasil no tempo de Oswald

» Em Gilberto Freyre, Brasil como presente da comida

» Livros: a aventura da autopublicação

Rede Social


Edição francesa


» L'industrie minière reine du Canada

» Centres de santé, quand les médecins sont dans la rue

» Pagaille diplomatique au chevet de l'Egypte

» Dur exil pour les Birmans en Thaïlande

» Le Rwanda commémore le génocide de 1994

» A Chypre, une chance pour la paix ?

» Espionnage électronique, quinze ans d'inertie

» Discriminées au travail, pénalisées à la retraite : la double peine des femmes

» Obliger les Etats à tenir parole

» 1914-1918, la grande illusion


Edição em inglês


» AFRICOM goes to war on the sly

» A Plan C for Europe

» Open systems and glass ceilings

» The arrival of The New Normal

» Syria: who can you trust in Manajir?

» When predatory equity hit the Big Apple

» If Kerry fails, what then?

» How many watch lists fit on the head of a pin?

» Elections in Iraq, and hope is in short supply

» Scotland, climate change and oil


Edição portuguesa


» Convite debate/convívio

» Conhecer para humanizar

» Regresso em momento histórico

» Edição de Abril de 2014

» 15 anos, 15 artistas e as liberdades

» Liberdades contra liberalismo

» Longa vida!

» A Crise Europeia e a Ascensão das Extremas-Direitas

» Edição de Março de 2014

» Neoliberalismo eleitoral


Curdistão

Qual autonomia para os curdos?

Expulsos de suas regiões tradicionais pela política de ?arabização? do Ba?ath ao longo das últimas décadas, os curdos foram beneficiados pela guerra que derrubou Saddam Hussein e agora definem o modelo de autonomia que irão pleitear

Michel Verrier
1º de março de 2004

Curdos: eternamente traídos

Desde o final da I Guerra Mundial, inúmeras potências utilizaram-se dos curdos para abandoná-los na última hora. Nos anos 70, com ajuda norte-americana, israelense e iraniana, eles foram usados para enfraquecer o regime ba’athista

1º de abril de 2003

Oitenta anos depois…
1º de outubro de 2002

Paisagens antes da guerra

Indesejáveis para o regime turco, os curdos são tolerados pelo governo de Teerã (existem 10 milhões no Irã, quase 15% da população do país). Seu sonho é um só: que Bush bombardeie logo o Iraque para poderem voltar para sua terra...

Michel Verrier
1º de outubro de 2002

Palavras-chave no mesmo grupo
[países]

Outros grupos de palavras-chave

BUSCA

» por tema
» por país
» por autor
» no diplô Brasil

BOLETIM

Clique aqui para receber as atualizações do site.

Destaques

» O planeta reage aos desertos verdes
» Escola Livre de Comunicação Compartilhada
» Armas nucleares: da hipocrisia à alternativa
» Dossiê ACTA: para desvendar a ameaça ao conhecimento livre
» Do "Le Monde Diplomatique" a "Outras Palavras"
» Teoria Geral da Relatividade, 94 anos
» Para compreender a encruzilhada cubana
» Israel: por trás da radicalização, um país militarizado
» A “América profunda” está de volta
» Finanças: sem luz no fim do túnel