Jornalismo Crítico | Biblioteca e Edição Brasileira | Copyleft | Contato | Participe! |
Uma iniciativa


» Para conhecer o mar de Ingmar Bergman

» Psiquiatras, Capitalismo e Lava Jato

» A “crise fiscal” e a queixa das hienas

» Visita guiada a uma noite insurgente

» Lula e o punitivismo penal

» Ressaca da Internet, espírito do tempo

» Cuba: as pedras no caminho da revolução

» Boaventura: o que aprender com a Nicarágua

» Em SP, o notável (e desconhecido) cinema das mulheres

» Partiu #OcupaPolítica

Rede Social


Edição francesa


» La survie de l'humanité en grand péril

» Les consommateurs victimes et complices

» Les Indiens des Amériques revendiquent leur droit à l'autodétermination

» Les limites de la solidarité internationale

» Sous la conduite des « généraux révolutionnaires » le Pérou s'achemine vers une seconde indépendance

» Les ultras préparent la guerre contre l'Iran

» Passé et passif de l'enseignement supérieur américain

» Après le retrait du Royaume-Uni...

» Une dernière chance pour l'unité de la Belgique ?

» Éloge de la petite édition


Edição em inglês


» The Empire smiles back

» Human zoos in the age of Trump

» Michael J Glennon on the growing power of the United States' national security bureaucracy

» Trump's ‘infrastructure' plan

» A children's Gitmo on the border

» East-west divide

» Population change by region

» Lure of the West

» Global population growth

» Growing insecurity in Mali


Edição portuguesa


» Edição de Julho de 2018

» A divergência europeia

» O capricho do príncipe

» Edição de Junho de 2018

» Assalto ao trabalho e às pensões

» Lambe-botas de Washington

» Jerusalém: o erro crasso do presidente americano

» Edição de Maio de 2018

» Direitos, não incentivos

» Maio, uma esperança de oceano


Guerra Fria

O século 20 foi decidido aqui

Há cinqüenta anos, a União Soviética perdia, ao invadir a Hungria, a grande oportunidade de uma desestalinização controlada. Enquanto isso, os Estados Unidos abandonavam Inglaterra e Reino Unido no Egito, e aspiravam a se tornar os reguladores da ordem mundial

Roger Martelli
6 de outubro de 2006

Cronologia 1956

Em nove meses, uma sucessão de fatos que teria grande influência sobre as décadas seguintes

6 de outubro de 2006

O clube dos ricos

Há trinta anos, surgia a Comissão Trilateral, que reúne a elite política e econômica dos Estados Unidos, Europa Ocidental e Japão e consolida a aliança entre o poder das multinacionais, das finanças e da política

Olivier Boiral
1º de novembro de 2003

Origens da oposição francesa

As divergências entre a França e os Estados Unidos datam de julho de 1958, quando, por ocasião de um encontro com o secretário de Estado Foster Dulles, o general De Gaulle rebateu, ponto por ponto, as teses defendidas pelos norte-americanos

Paul-Marie de La Gorce
1º de março de 2003

Da guerra fria à guerra preventiva

Após alguns “acidentes de percurso” – tais como o fim da guerra fria, com o colapso da União Soviética e a conseqüente inexistência de um “inimigo” – a ultra-direita norte-americana retomou, no atual governo Bush, um projeto iniciado em 1976

Philip S.Golub
1º de março de 2003

Há 40 anos, a crise dos mísseis...

Quando George W. Bush parece decidido a atacar o Iraque – sem levar em conta as conseqüências – é bom lembrar que, há quarenta anos, em outubro e novembro de 1962, a crise dos mísseis de Cuba colocou a humanidade à beira de um confronto nuclear

Daniele Ganser
1º de novembro de 2002

Heranças e contradições da era Nasser

Cinqüenta anos após a Revolução dos Oficiais Livres, a personalidade e a ação política desenvolvida por seu principal líder, Gamal Abdel Nasser, ainda são objeto de polêmicas

Kamel Labidi
1º de julho de 2002

A nova desordem estratégica

Fruto da diplomacia da guerra fria, os tratados internacionais sobre armas nucleares apoiaram-se, fundamentalmente, na estratégia de um mundo bipolar e no poder de dissuasão. Hoje, quase nada sobrou da arquitetura internacional de segurança

Olivier Lepick, Pierre Conesa
1º de julho de 2002

A falsa testemunha do caso Rosemberg

The Brother, de Sam Roberts, além de uma biografia rica em análises críticas, remonta o cenário do início da Guerra Fria e da caça às bruxas nos Estados Unidos

Shofield Coryell
1º de abril de 2002

Palavras-chave no mesmo grupo
[temas permanentes]

Outros grupos de palavras-chave

BUSCA

» por tema
» por país
» por autor
» no diplô Brasil

BOLETIM

Clique aqui para receber as atualizações do site.

Destaques

» O planeta reage aos desertos verdes
» Escola Livre de Comunicação Compartilhada
» Armas nucleares: da hipocrisia à alternativa
» Dossiê ACTA: para desvendar a ameaça ao conhecimento livre
» Do "Le Monde Diplomatique" a "Outras Palavras"
» Teoria Geral da Relatividade, 94 anos
» Para compreender a encruzilhada cubana
» Israel: por trás da radicalização, um país militarizado
» A “América profunda” está de volta
» Finanças: sem luz no fim do túnel