Jornalismo Crítico | Biblioteca e Edição Brasileira | Copyleft | Contato | Participe! |
Uma iniciativa


» A Mão do Povo Brasileiro, de volta ao MASP

» “Hackers russos”, nova invenção da velha mídia

» A arte de morrer

» As guerras que se avizinham

» Quando a mídia incita à violência de gênero

» Privacidade, mercadoria de luxo

» Seu nome era Ruas

» Boulos e o MTST pensam numa nova esquerda

» Para enxergar os ”secundas” além do romantismo

» Quando a Al-Qaeda volta a ser “aliada” do Ocidente

Rede Social


Edição francesa


» Faut-il changer le statut de l'hôpital public ?

» Œil de fennec

» « C'était mieux avant… »

» Dans les Yvelines, le clientélisme au quotidien

» Fleuves profonds, frontières fluides

» Petite histoire des grandes famines

» Little Saigon. Mémoires de Viet Kieu

» L'engrenage identitaire

» Carnavals

» Taux d'abstention aux élections municipales de 2008


Edição em inglês


» Prepare, pursue, prevail!

» President blowback

» Trump's military nostalgia (or “Victory at Sea” all over again)

» The SNP's big gamble

» Doubling down on dystopia

» The surge delusion

» American carnage

» The president who loved generals

» Who contributes to UN peacekeeping

» Fastest way out of a banlieue without hope


Edição portuguesa


» Canto Livre e Canção de Protesto

» União Europeia: para onde vai o pelotão da frente?

» A literatura, cimento que constrói mundos

» Tendências recentes do emprego dos jovens diplomados portugueses

» Edição de Março de 2017

» Offshores, defeitos e feitios

» Obstinação europeia

» Desafios de uma agenda política para a inclusão dos portugueses ciganos

» Edição de Fevereiro de 2017

» Trabalho e organização colectiva


India

Dos Vedas ao Kama Sutra

Nascidas das louvações a Deus, em idioma sagrado, as literaturas indianas compõem uma tradição marcada pela diversidade de gêneros; por temáticas que vão do casto ao heróico e ao profano; pelo desejo, desde Buda, de fazer arte nas múltiplas línguas faladas pelo povo

Tirthankar Chanda
22 de março de 2007

A descoberta das literaturas indianas

Cada vez mais conhecidos no Ocidente, os escritores indianos contemporâneos são homenageados no Salão do Livro de Paris. Vale conhecer a tradição literária milenar de que fazem parte: um universo vibrante em que sobressaem crítica social, erotismo e transgressão

Tirthankar Chanda
22 de março de 2007

A Índia em busca do poderio perdido

Como o segundo país mais populoso do planeta age para se transformar em potência mundial. O complicado xadrez das relações com EUA, China e Rússia. O drama: nos planos de poder, eliminar a pobreza e exclusão maciças não é prioridade

Martine Bulard
16 de janeiro de 2007

Washington aposta na Índia

Por que a Casa Branca oferece a Nova Délhi um acordo atômico que contraria toda sua retórica anti-proliferação nuclear? O que leva o governo indiano, uma coalizão que inclui os comunistas, a flertar com Bush?

Christophe Jaffrelot
12 de setembro de 2006

Índia, avanços e limites

Um ano e meio após voltar ao poder, o Partido do Congresso mantém a política econômica, pouco avança nos programas sociais e vacila na cena internacional. Mas mantém o apoio da esquerda, por sua ação contra o fundamentalismo hindu e a xenofobia

Jyotsna Saksena
1º de novembro de 2005

Conflitos e convergências

Nas relações entre China e Índia, competições no campo diplomático e econômico ainda são barreiras à convivência pacífica

Martine Bulard
1º de agosto de 2005

As mulheres do Kerala contra a Coca-Cola

Na Índia, um movimento composto majoritariamente de mulheres impõe derrotas à gigante dos refrigerantes, que explora lençóis freáticos, polui rios e terras e oferece bebida com pesticidas

Vandana Shiva
1º de março de 2005

O cinema como religião

Os mistérios da relação passional dos indianos com seu cinema, que atrai diariamente cerca de 15 milhões de pessoas, e fez com que nenhum outro país tenha exacerbado tanto a extrema porosidade entre a vida real e o cinema

Elisabeth Lequeret
1º de agosto de 2004

Globalização a passos contados

Depois de Porto Alegre em 2002 e 2003, o Fórum Social Mundial se reúne este ano em Mumbai (Bombaim), na Índia, país que se abriu gradualmente ao comércio internacional e, junto com a África do Sul, o Brasil e a China, contribui para formar um bloco "do Sul" no interior da OMC

Christophe Jaffrelot
1º de janeiro de 2004

O fascínio de Bombaim

Única metrópole indiana, Bombaim exerce uma atração mítica por ser o centro financeiro e econômico do país. Mas nesse pesadelo demográfico, onde encontra-se champanha pagando o preço – três vezes o salário da classe média – não se tem água potável para beber

Mila Kahlon
1º de janeiro de 2004

Sudoeste Asiático na mira dos EUA

O esforço para impedir o surgimento de um rival, a luta contra o terrorismo e a guerra (não terminada) do Afeganistão – objetivos estratégicos dos EUA – inserem-se num espaço geográfico que envolve a Rússia, a China e a Índia

Paul-Marie de La Gorce
1º de dezembro de 2002

Abundância desastrosa

A euforia da “melhor safra dos últimos vinte anos” transformou-se num pesadelo: o mercado oferece aos lavradores um preço que corresponde a um terço do custo de produção. E assim, a Índia consolida seu trágico lugar entre os recordistas da miséria absoluta

Roland-Pierre Paringaux
1º de setembro de 2002

Golpe contra segurança alimentar indiana

A “lei do mercado” – abertura ao comércio internacional, o fim dos subsídios e liberação das tarifas alfandegárias –, imposta pela OMC em seu acordo com o governo indiano, está levando ao desespero e à miséria absoluta camponeses e lavradores pobres

Roland-Pierre Paringaux
1º de setembro de 2002

O fantástico boom indiano

Depois de Tagore, Narayan e Raja Rao, hoje considerados clássicos, sempre houve escritores indianos nos catálogos dos editores de língua inglesa. Mas, nos dois últimos anos, houve um autêntico boom. Quais seriam as razões desse sucesso?

Pierre Lepape
1º de agosto de 2002

Cinqüenta anos de conflitos

Em pouco mais de cinqüenta anos, a Índia já travou três guerras com o Paquistão – todas em função do território da Caxemira, cuja população, majoritariamente muçulmana, rejeita a dominação do governo de Nova Déli

1º de julho de 2002

A Índia à procura de poder

Em meio a uma reaproximação rápida e espetacular com os Estados Unidos – após 45 anos de um divórcio durante o qual cortejou interesses russos – a Índia joga duro na questão da Caxemira com o objetivo de manter sua supremacia estratégica na região

Kurt Jacobsen, Sayeed Hasan Khan
1º de julho de 2002

Dados e cronologia
1º de janeiro de 2002

Aldeões sem história

Há muitos anos que os defensores dos direitos humanos não param de denunciar as violações de direitos e a impunidade que as acoberta. Recentemente, três dramas, reveladores desse estado de coisas, mobilizaram a opinião pública

Roland-Pierre Paringaux
1º de janeiro de 2002

Um território “contestado”

A Índia e o Paquistão reivindicam a soberania sobre a totalidade do território da Caxemira. O Paquistão declara que a maioria muçulmana lhe é favorável e pede a aplicação das resoluções da ONU, em particular aquela referente a um plebiscito

Roland-Pierre Paringaux
1º de janeiro de 2002

A fase afegã da guerra esquecida

A crise afegã chamou a atenção para um outro conflito, o da Caxemira, que opõe a Índia e o Paquistão por intermédio de combatentes muçulmanos. Se para Nova Déli são “terroristas”, para Islamabad, são “combatentes da liberdade”

Roland-Pierre Paringaux
1º de janeiro de 2002

Palavras-chave no mesmo grupo
[países]

Outros grupos de palavras-chave

BUSCA

» por tema
» por país
» por autor
» no diplô Brasil

BOLETIM

Clique aqui para receber as atualizações do site.

Destaques

» O planeta reage aos desertos verdes
» Escola Livre de Comunicação Compartilhada
» Armas nucleares: da hipocrisia à alternativa
» Dossiê ACTA: para desvendar a ameaça ao conhecimento livre
» Do "Le Monde Diplomatique" a "Outras Palavras"
» Teoria Geral da Relatividade, 94 anos
» Para compreender a encruzilhada cubana
» Israel: por trás da radicalização, um país militarizado
» A “América profunda” está de volta
» Finanças: sem luz no fim do túnel