Jornalismo Crítico | Biblioteca e Edição Brasileira | Copyleft | Contato | Participe! |
Uma iniciativa


Rede Social


Edição francesa


» En Afrique, la démocratie entravée

» Le grand partage du globe

» La France et son espace maritime de souveraineté économique

» Villes et comptoirs hanséatiques

» Le sultanat de Malacca à la fin du XVe siècle

» Les grandes poubelles de plastique

» Feu vert à la surveillance de masse

» G8 : policiers italiens condamnés... et promus

» L'Italie saisie par la tentation autoritaire

» En régionalisant, les gouvernements entendent préserver le cadre national d'une action cohérente


Edição em inglês


» The rift in the AfD

» The forgotten chapter of the women's movement

» The battle for narrative in Afghanistan

» Work less, pollute less

» July: the longer view

» Ethiopia's failed experiment in ethno-federalism

» What press freedoms for North Africa?

» The Balkans rediscover socialism

» China's balancing act: power or prosperity?

» The immovable Assad clan


Edição portuguesa


» O direito à alimentação no mundo continua por cumprir

» Filho da Preguiça

» Boca de Cena

» Pandemónio Pandomínio

» Em Cuba, rumo ao fim do mais longo embargo da história

» Edição de Julho de 2021

» «Ajude um caloiro»: requiem por um direito

» Acalmia em França?

» Edição de Junho de 2021

» O jornalismo no novo negócio dos "media"


IRÃ / CRONOLOGIA

A escalada da crise

Imprimir
enviar por email

Ler Comentários
Compartilhe

(12/10/2000)

11 de maio de 1949: Depois de sua vitória sobre os exércitos árabes, o Estado de Israel torna-se membro da ONU. 21 de julho de 1951: O rei Abdallah da Jordânia é assassinado por um palestino.

28 de abril de 1951: Aumentam as tensões entre o Estado e a Anglo-Iraniana Oil Company. Mohamed Mossadegh torna-se primeiro-ministro do Irã e nacionaliza o petróleo.

23 de julho de 1952: Os "oficiais livres" de Gamal Abdel Nasser tomam o poder no Egito.

19 de agosto de 1953: O governo Mossadegh é derrubado. O xá, com o apoio do general Zahedi, instaura um poder ditatorial.

Outubro-novembro de 1956: Israel, a França e a Grã Bretanha atacam o Egito após a nacionalização do canal do Suez. Israel ocupa temporariamente o Sinai.

4 de junho de 1963: Revoltas camponesas assinalam o fracasso da "revolução branca" (a reforma agrária iraniana). Ruhollah Khomeini é preso, solto e depois expulso.

Janeiro-março de 1979: O regime do xá desmorona, o aiatolá Khomeini volta a Teerã e funda a República Islâmica.

Traduzido por Celeste Marcondes.




Fórum

Leia os comentários sobre este texto / Comente você também

BUSCA

» por tema
» por país
» por autor
» no diplô Brasil

BOLETIM

Clique aqui para receber as atualizações do site.

Destaques

» O planeta reage aos desertos verdes
» Escola Livre de Comunicação Compartilhada
» Armas nucleares: da hipocrisia à alternativa
» Dossiê ACTA: para desvendar a ameaça ao conhecimento livre
» Do "Le Monde Diplomatique" a "Outras Palavras"
» Teoria Geral da Relatividade, 94 anos
» Para compreender a encruzilhada cubana
» Israel: por trás da radicalização, um país militarizado
» A “América profunda” está de volta
» Finanças: sem luz no fim do túnel
Mais textos