Jornalismo Crítico | Biblioteca e Edição Brasileira | Copyleft | Contato | Participe! |
Uma iniciativa


» América Latina: a ultradireita contra-ataca

» O Mercado, os economistas e outros seres transcendentais

» Nem todo Uber é capitalista

» Comuns, alternativa à razão neoliberal

» “Nova” ultradireita, filha dos neoliberais

» Como os PMs são formados para a incivilidade

» Cinema: três filmes para olhar além da fronteira

» Pacote Guedes (1): Uma distopia cujo tempo passou

» Pacote Guedes (2): Unidos pelo fundamentalismo

» A execução de Baghdadi e o autoengano do Ocidente

Rede Social


Edição francesa


» Les Allemands de l'Est, sinistrés de l'unification

» Le difficile chemin de la démocratie espagnole

» Il y a cent cinquante ans, la révolte des cipayes

» Hôpital entreprise contre hôpital public

» Dernières nouvelles de l'Utopie

» Très loin des 35 heures

» Qui a profité de l'unification allemande ?

» Chantages ordinaires chez General Motors

» Gagnants et perdants de l'ouverture chinoise

» L'islam au miroir de la télévision


Edição em inglês


» November: the longer view

» Ibrahim Warde on the rise and fall of Abraaj

» Fighting ISIS: why soft power still matters

» Life as a company troll

» The imperial magazine

» Setting Socrates against Confucius

» Price of freedom on the road

» Global business of bytes

» A firm too good to be true

» In the GDR, old debts and big profits


Edição portuguesa


» No Brasil, os segredos de um golpe de Estado judiciário

» Edição de Novembro de 2019

» Sempre uma coisa defronte da outra

» OTAN: até quando?

» Alojamento local-global: especulação imobiliária e desalojamento

» Rumo a uma governança participativa da vida nocturna de Lisboa

» A Expo'98 e o Parque das Nações: Estado, gentrificação e memória urbana

» Uma história do Habita

» «Ficar sem Tecto»: as demolições no Bairro 6 de Maio

» Gentrificação e turistificação: o caso do Bairro Alto em Lisboa


RUSSIA

Os personagens-chaves em Moscou

Imprimir
enviar por email

Ler Comentários
Compartilhe

Dos homens do Kremlin aos liberais moderados e à oposição pró-EUA

(12/02/2007)

Os homens do Kremlin

Vladimir Putin, presidente da Federação Russa;
Mikhaïl Fradkov, primeiro-ministro;
German Gref, ministro da Economia e das Reformas;
Boris Gryzlov, presidente da Duma e do partido dirigente "Rússia Unida";
Serguei Ivanov, ministro da Defesa;
Alexei Koudrin, ministro das Finanças;
Serguei Lavrov, ministro das Relações Exteriores;
Dimitri Medvedev, chefe da administração presidencial e diretor da Gazprom, monopólio que assegura maioria estatal (51%) na produção do gás;
Igor Sitchev, diretor da Rosneft, companhia petrolífera estatal;
Vladislav Sourkov, ideólogo da “democracia soberana”.

> Freqüetemente citados como possíveis candidatos à presidência. Medvedev, Gref e Koudrine são considerados "liberais"; Gryzlov, Ivanov e Sitchev, "nacionalistas".

Liberais no poder e na oposição

Iegor Gaidar, artífice das reformas neo-liberais (pai da "terapia de choque" em 1992);
Anatoli Tchoubais, artesão das privatizações sob o governo de Boris Yeltsin, diretor do monopólio estatal de eletricidade.

> Ambos são membros da União das Forças de Direita, partido liberal de oposição.

Oposição liberal radical "pró-Ocidente"

Boris Berezovski, oligarca "destronado", residente em Londres, atuante na Rússia e na Ucrânia;
Andréi Illarionov, ex-conselheiro de Putin, membro do Cato Institute (Estados Unidos);
Garry Kasparov, ex-campeão mundial de xadrez. Membro da Frente Cívica Unida (OGF) e Fórum "Uma outra Rússia", apoiados pela fundação norte-americana National Endowment for Democracy (NED);
Mikhail Kassianov, ex-primeiro ministro de Putin;
Georgui Satarov, Congresso Cívico Pan-russo, Fundação INDEM (associada às fundações Soros, Ford e Mac Arthur).

Tradução: Wanda Caldeira Brant
wbrant@globo.com




Fórum

Leia os comentários sobre este texto / Comente você também

BUSCA

» por tema
» por país
» por autor
» no diplô Brasil

BOLETIM

Clique aqui para receber as atualizações do site.

Leia mais sobre

» Geopolítica Mundial
» Rússia
» Ex-URSS
» Limites e Contradições do Poder Imperial

Destaques

» O planeta reage aos desertos verdes
» Escola Livre de Comunicação Compartilhada
» Armas nucleares: da hipocrisia à alternativa
» Dossiê ACTA: para desvendar a ameaça ao conhecimento livre
» Do "Le Monde Diplomatique" a "Outras Palavras"
» Teoria Geral da Relatividade, 94 anos
» Para compreender a encruzilhada cubana
» Israel: por trás da radicalização, um país militarizado
» A “América profunda” está de volta
» Finanças: sem luz no fim do túnel
Mais textos