Jornalismo Crítico | Biblioteca e Edição Brasileira | Copyleft | Contato | Participe! |
Uma iniciativa


» 1917: Mergulho no horror e dilemas da técnica

» As ideias perigosas que eles temem

» Polícia Militar, nascida para reprimir greves

» Roteiro para reinventar as cidades brasileiras

» OCDE: o Brasil em busca do selo de vira-lata

» Davos: meio século de fracassos

» Chile: assim prepara-se a nova batalha

» Por que o Líbano está em transe

» Sobre estes homens brancos que dominam o mundo

» A catástrofe da água como síntese do Rio

Rede Social


Edição francesa


» Population kurde dans le monde

» Un grand peuple sans État

» Contestation à consommer pour classes cultivées

» Raymond Soubie, une éminence grise au service de la « réforme »

» Retour de la mal-vie dans le monde du travail

» Dialogue avorté entre Téhéran et Washington

» La tentation de l'apartheid génétique

» La Colombie est un pays jeune qui a besoin de renouveler ses structures

» Ressources minières en Papouasie

» L'univers télévisé du « porno » immobilier


Edição em inglês


» Ben Bella: ‘It protected us from hatred'

» Hicham Yezza on what went wrong for the UK's Labour Party

» The US and Iran: a long and bitter war

» As Australia's right tacks left on climate, the course is set

» The two souls of veganism

» January: the longer view

» Iranians united

» Luxembourg's multilingual geography

» Controlled by Ritalin

» The hero of Petliura Street


Edição portuguesa


» Edição de Janeiro de 2020

» Embaraços externos

» De Santiago a Paris, os povos na rua

» Que prioridades para uma governação mais à esquerda?

» Edição de Dezembro de 2019

» Uma fractura social exposta

» «Uma chacina»

» Assinatura de 6 meses: só 18 €

» Golpe de Estado contra Evo Morales

» Será que a esquerda boliviana produziu os seus coveiros?


AMÉRICA LATINA

Glossário mexicano

Imprimir
enviar por email

Ler Comentários
Compartilhe

Nomes e siglas da esquerda institucional, dos movimentos rebeldes, dos observadores internacionais e dos partidos de direita

Jean-François Boyer - (29/04/2007)

AMLO: Abreviatura de Andrés Manuel López Obrador, candidato à presidência nas eleições de 2006, derrotado em meio a denúncias de fraude. Não reconhece o resultado.

CND: Convenção Nacional Democrática; reúne espontaneamente simpatizantes de Andrés Manuel López Obrador contra a “fraude eleitoral”. Depois dois meses de luta, a CND reuniu 1.025.724 militantes em todo o país — algo inédito, na Cidade do México — em 16 de setembro de 2006. A convenção decidiu eleger um “governo legítimo” com “AMLO” como presidente.

Coalizão pelo Bem de Todos: aliança do PRD, do Partido do Trabalho e da Convergência Democrática que apóia López Obrador na eleição presidencial.

PRD: Partido da Revolução Democrática; partido de centro-esquerda fundado oficialmente em 26 de maio de 1989 a partir de uma ruptura com o PRI.

FAP: Frente Ampla Progressista; reúne os três partidos membros da coalizão eleitoral de López Obrador.

APPO: Assembléia Popular dos Povos de Oaxaca.

EZLN: Exército Zapatista de Liberação Nacional; Movimento armado indígena criado em 1º de janeiro de 1994, em Chiapas; tomou, logo em seguida, forma de uma rebeldia pacífica.

Outra Campanha: Lançada em 1º de janeiro de 2006 pelo Exército Zapatista de Liberação Nacional (EZLN) e o subcomandante Marcos. Esse ataca vigorosamente o PRI e o PAN, mas também não simpatiza com o PRD.

CCIODH: Comissão Civil Internacional pela Observação dos Direitos dos Homens, organização não-governamental européia ligada à esquerda, reconhecida pela ONU e pela União Européia.

PAN: Partido Ação Nacional; partido de direita no poder com Vicente Fox (2000-2006) e hoje com Felipe Calderón.

PRI: Partido Revolucionário Institucional; monopolizou o poder no México por 71 anos.

Nafta: North American Free Trade Agreement (Tratado de Livre Comércio Norte-Americano); de essência neoliberal, reúne Canadá, Estados Unidos e México na mais vasta zona de livre comércio do mundo.

Tradução: Silas Martí
silas.marti@revistaflan.com

Leia mais:

Nesta edição, sobre o mesmo tema:

Novo mosaico das resistências mexicanas Num país governado pela direita autoritária, multiplicam-se iniciativas de contra-poder, algumas com forte caráter inovador. Mas serão capazes de se entender e fazer de sua grande diversidade um trunfo?




Fórum

Leia os comentários sobre este texto / Comente você também

BUSCA

» por tema
» por país
» por autor
» no diplô Brasil

BOLETIM

Clique aqui para receber as atualizações do site.

Leia mais sobre

» México
» América Latina

Destaques

» O planeta reage aos desertos verdes
» Escola Livre de Comunicação Compartilhada
» Armas nucleares: da hipocrisia à alternativa
» Dossiê ACTA: para desvendar a ameaça ao conhecimento livre
» Do "Le Monde Diplomatique" a "Outras Palavras"
» Teoria Geral da Relatividade, 94 anos
» Para compreender a encruzilhada cubana
» Israel: por trás da radicalização, um país militarizado
» A “América profunda” está de volta
» Finanças: sem luz no fim do túnel
Mais textos