Jornalismo Crítico | Biblioteca e Edição Brasileira | Copyleft | Contato | Participe! |
Uma iniciativa


Rede Social


Edição francesa


» Bernard Madoff, à la barbe des régulateurs de la finance

» Les famines coloniales, génocide oublié

» LTCM, un fonds au-dessus de tout soupçon

» Récalcitrante Ukraine

» Europe de l'Est : un bilan positif sur le plan social mais négatif dans le domaine des droits politiques

» La crise russo-ukrainienne accouchera-t-elle d'un nouvel ordre européen ?

» Offensive sur l'or noir africain

» Un Syrien sur cinq a quitté son pays

» Gramsci, un rayonnement planétaire

» L'ENA tentée par la philosophie des affaires


Edição em inglês


» Rojava's suspended future

» Biden's Middle East challenges

» April: the longer view

» Africa's oil-rich national parks

» Montenegro's path to independence

» Japan's bureaucrats feel the pain

» Who's who in North Africa

» Being Kabyle in France

» Who wins in Chile's new constitution?

» Senegal's five days of anger


Edição portuguesa


» Edição de Abril de 2021

» A liberdade a sério está para lá do liberalismo

» Viva o «risco sistémico!»

» Pandemia, sociedade e SNS: superar o pesadelo, preparar o amanhecer

» A maior mentira do fim do século XX

» Como combater a promoção da irracionalidade?

» A Comuna de Paris nas paredes

» Como Donald Trump e os "media" arruinaram a vida pública

» Edição de Março de 2021

» Acertar nas fracturas


Palavra 4

Imprimir
enviar por email
Compartilhe

Estréiam Régis Bonvicino e Olivia Maia. Além disso, uma resenha do último livro de Ian McEwan e novas observações sobre o ato de escrever

Sopa_de_ossos@Neruda.com
De Régis Bonvicino, um dos principais poetas contemporâneos brasileiros
Aqui

Projeto de sufocação
"É exatamente isso que também faz do grande escritor um grande leitor. Acredito ser o espírito da profissão: a busca pelo conhecimento infindável da língua, para que a pessoa possa se expressar de todas as formas possíveis e atingir as improváveis". De Renata Miloni
Aqui

E na janela há um gato
"Espiei a janela. Voltei-me para o editor de texto e pousei as mãos sobre o teclado. Ouvia as batidas do meu coração. Delírio!" De Olivia Maia
Aqui

Na praia
A última novela de Ian McEwan, comentada por Isa Fonseca, que vê uma narrativa inicialmente fluente e interessante, mas também um flerte com o tédio.
Aqui

Rodrigo Gurgel - (27/10/2007)

Abrimos Palavra desta semana com Régis Bonvicino, um dos principais poetas contemporâneos brasileiros. No poema Sopa_de_ossos@Neruda.com, Régis dialoga com a história, a política e vários dos elementos que se embatem no mundo contemporâneo. O que menos importa no poema são os nexos causais. O texto é composto de imagens que explodem a cada verso, criando uma peça de pura alucinação, na qual a violência e a loucura se irmanam.

Que espécie de leitor há sob todos os escritores? – é o que Renata Miloni se pergunta no texto desta semana. Desvendando o prazer e a “sufocação”, a descoberta e as inevitáveis surpresas, Renata nos leva nessa viagem sem fim da leitura, onde todos os rumos e todos os fins são absolutamente improváveis.

A escritora Olivia Maia também estréia em nosso espaço. O conto E na janela há um gato é uma intrigante história, na qual criador e criatura esbarram nos limites da produção ficcional. Agindo como espelhos um do outro, escritor e personagem criam não apenas o conto que lemos, mas nos remetem a uma outra dimensão, na qual tudo é possível.

Fechando a seleção desta semana, Isa Fonseca comenta a última novela de Ian McEwan, não perdoando ao escritor o uso abusivo das digressões, mas salientando as qualidades de um autor que já nos ofereceu, por exemplo, o romance Reparação.

Boa leitura e até a próxima semana!

Rodrigo Gurgel



Fórum

Leia os comentários sobre este texto / Comente você também

BUSCA

» por tema
» por país
» por autor
» no diplô Brasil

BOLETIM

Clique aqui para receber as atualizações do site.

Destaques

» O planeta reage aos desertos verdes
» Escola Livre de Comunicação Compartilhada
» Armas nucleares: da hipocrisia à alternativa
» Dossiê ACTA: para desvendar a ameaça ao conhecimento livre
» Do "Le Monde Diplomatique" a "Outras Palavras"
» Teoria Geral da Relatividade, 94 anos
» Para compreender a encruzilhada cubana
» Israel: por trás da radicalização, um país militarizado
» A “América profunda” está de volta
» Finanças: sem luz no fim do túnel
Mais textos