Jornalismo Crítico | Biblioteca e Edição Brasileira | Copyleft | Contato | Participe! |
Uma iniciativa


» Reino Unido: razões de um fracasso provisório

» Óleo nas praias: a tragédia tem a marca Bolsonaro

» O cimento familiar que faz A vida invisível

» Manifesto Feminista por uma Renda Cidadã

» Cinco livros para entender a polícia brasileira

» Fernando Meirelles vê Dois Papas e igreja em crise

» Em busca da funda de Davi

» Outras Palavras prepara nova travessia

» Argentina: o que esperar de Fernández e Cristina

» 2019, o ano do Pibinho do Guedes

Rede Social


Edição francesa


» La grande mystification des fonds de pension

» Cinq leviers pour l'emploi…

» L'instinct de résistance des Réunionnais

» Comment la pensée devint unique

» Résister à l'insécurité sociale

» La pêche, une guerre mondiale ignorée

» L'homme et les robots

» Le crépuscule de la raison

» Mystiques violentes et stratégie non violente

» La pêche doit être gérée à l'échelle mondiale


Edição em inglês


» Scotland decides

» UK's austerity election

» December: the longer view

» ‘No one was listening'

» Shattering the conspiracy of silence

» This must be called murder

» Bolivia's coup

» Algeria's massive movement for change

» Islamists make common cause with the Hirak

» Grenfell's untold story


Edição portuguesa


» Que prioridades para uma governação mais à esquerda?

» Edição de Dezembro de 2019

» Uma fractura social exposta

» «Uma chacina»

» Assinatura de 6 meses: só 18 €

» Golpe de Estado contra Evo Morales

» Será que a esquerda boliviana produziu os seus coveiros?

» A era dos golpes de Estado discretos

» Pequeno manual de desestabilização na Bolívia

» No Brasil, os segredos de um golpe de Estado judiciário


Dan Schiller

Professor na Universidade de Illinois (Urbana-Champaign), Estados Unidos, autor de Digital Capitalism: Networking the Global Market Systems, MIT Press, Cambridge (EUA), 2000.


Seus artigos nesse site:

Os escravos do celular

O avanço espetacular da telefonia móvel no mundo vende a ilusão de liberdade e nos torna dependentes do “contato permanente”

1º de fevereiro de 2005

A ressaca mundial

“Menina dos olhos” da liberalização econômica, o setor de telecomunicações enfrenta hoje a reversão da política desenfreada de investimentos, especulação e concorrência que norteou sua expansão transnacional, capitaneada pelo modelo norte-americano

1º de julho de 2003

Informar, vender e controlar

As empresas de comunicação se estruturam rapidamente como conglomerados multimídia, que incluem empresas de Internet, música, TV – tudo sob controle e vigilância do mercado

1º de maio de 2002

Os especuladores cobiçam a Rede

O objetivo do acordo entre a AOL e a Time Warner é transformar a rede mundial de computadores num imenso supermercado virtual. Essa fusão ameaça abocanhar a Internet e pode limitar, ainda mais, o pluralismo da informação

12 de fevereiro de 2000

BUSCA

» por tema
» por país
» por autor
» no diplô Brasil

BOLETIM

Clique aqui para receber as atualizações do site.

Destaques

» A “América profunda” está de volta
» Armas nucleares: da hipocrisia à alternativa
» Do "Le Monde Diplomatique" a "Outras Palavras"
» Dossiê ACTA: para desvendar a ameaça ao conhecimento livre
» Escola Livre de Comunicação Compartilhada
» Finanças: sem luz no fim do túnel
» Israel: por trás da radicalização, um país militarizado
» O planeta reage aos desertos verdes
» Para compreender a encruzilhada cubana
» Teoria Geral da Relatividade, 94 anos