Jornalismo Crítico | Biblioteca e Edição Brasileira | Copyleft | Contato | Participe! |
Uma iniciativa


» 12 de agosto de 2022

» Nos arquivos soviéticos, a vida real sob Stálin

» Propostas agroecológicas para o novo governo Lula

» Crônica: Influências

» Conversas entre a psicanálise e a terapia psicodélica

» Ab’Sáber: Caetano Veloso do transe à transa e depois

» 11 de agosto de 2022

» O capitalismo à beira da Grande Estagflação

» Entre ver estrelas e apagar pessoas

» Os possíveis estertores do neoliberalismo autoritário

Rede Social


Edição francesa


» Pathologies de la démocratie

» Vote Le Pen, une bataille de proximité

» L'Afrique du Sud lassée de ses libérateurs

» Le rêve américain au miroir du basket-ball

» Minsk se rebiffe contre le grand frère russe

» L'agriculture biologique dans l'Union Européenne

» Retrouver le rire de Bertolt Brecht

» En campagne avec les troupes de Jeremy Corbyn

» Au Chiapas, la révolution s'obstine

» Profession : député


Edição em inglês


» America's ageing nuclear facilities

» Julian Assange, unequal before the law

» Wuhan: the Covid diary

» The high price of becoming a student in Russia

» Why Parisians fear and loathe Saint-Denis

» Kosovo's problematic special status

» Summer in Moldova: will the party have to stop?

» Three little letters the world came to hate: IMF

» Will the FARC accords finally work under Petro?

» A tiny piece of Palestine, not quite forgotten


Edição portuguesa


» Dos lucros dos oligarcas aos vistos dos pobres

» Em defesa da água e do futuro do Algarve

» A escrita delas, África em Portugal (ou Donde sou)

» Vozes femininas e o livre imaginar

» O Comité de Salvamento Privado

» A burguesia francesa recompõe-se em Versalhes

» Que país pode ser independente?

» O fim do desencanto para os ex-guerrilheiros?

» Acarinhar Pinochet, destruir Assange

» Ardósia mágica


Laurent Bonelli

Pesquisador em Ciência Política na Universidade Paris X–Nanterre. Co-organizador do livro La Machine à punir. Pratiques et discours sécuritaires, ed. L’Esprit frappeur, Paris, 2001, 320 páginas.


Seus artigos nesse site:

Juventude fora do controle

Quando se trata de imigrantes, os conservadores culpam os pais pelos maus modos dos filhos. Mas o fato é que o trabalho nas fábricas, que antes funcionava como elemento disciplinador, já não atua mais. Devido à precarização das relações profissionais, os jovens estão agora soltos nas ruas, para o que der e vier

22 de abril de 2008

Anatomia da revolta

Um olhar em profundidade sobre o desabamento das velhas relações sociais nas periferias, a criminalização da pobreza e a busca, pelos jovens, de novas formas de identidade. Um alerta: é preciso recriar um projeto de transformação, para que crise não vire pretexto para retrocessos

1º de dezembro de 2005

Em busca do novo inimigo

Depois do 11 de setembro, os serviços de segurança europeus e americanos buscam um novo inimigo estratégico na figura difusa de um grupo terrorista islâmico – que se torna a grande ameaça aos valores da liberdade e da democracia

1º de abril de 2005

Um controle incontrolável

Em nome da urgência e da amplitude das “ameaças” que pesariam sobre a sociedade, a legislação antiterrorista sacrifica a liberdade individual e cria um estado de exceção

1º de abril de 2005

Uma visão policial da sociedade

“Especialistas” prevêem uma curva exponencial de delinqüência resultando num reino de marginais, cada vez mais jovens e mais violentos. Os partidos políticos juntam suas vozes, assim como os jornalistas, entoando o canto da “exigência de segurança”

1º de fevereiro de 2003

BUSCA

» por tema
» por país
» por autor
» no diplô Brasil

BOLETIM

Clique aqui para receber as atualizações do site.

Destaques

» A “América profunda” está de volta
» Armas nucleares: da hipocrisia à alternativa
» Do "Le Monde Diplomatique" a "Outras Palavras"
» Dossiê ACTA: para desvendar a ameaça ao conhecimento livre
» Escola Livre de Comunicação Compartilhada
» Finanças: sem luz no fim do túnel
» Israel: por trás da radicalização, um país militarizado
» O planeta reage aos desertos verdes
» Para compreender a encruzilhada cubana
» Teoria Geral da Relatividade, 94 anos