Jornalismo Crítico | Biblioteca e Edição Brasileira | Copyleft | Contato | Participe! |
Uma iniciativa


Rede Social


Edição francesa


» Agriculture : traire plus pour gagner moins

» Petits secrets entre amis à Sciences Po

» Alexeï Navalny, prophète en son pays ?

» Dissoudre pour mieux régner

» La Commune prend les murs

» La gauche, histoire d'un label politique

» Peter Watkins filme la Commune

» Faillite de la mission européenne au Kosovo

» Les Nations unies face au conservatisme des grandes puissances

» Ces musulmans courtisés et divisés


Edição em inglês


» The UAE's seven emirates

» Sahel: shifting enemies, enduring conflict

» How much of a threat is Alexey Navalny?

» Myanmar's military coup

» France cosies up to the UAE

» Little Sparta: the growing power of the UAE

» France's unwinnable Sahel war

» Latin America's feudal castle

» The reader becomes king

» The circus leaves town


Edição portuguesa


» Pagamento com cartão de crédito / PayPal

» Edição de Fevereiro de 2021

» Combates pela igualdade

» "Calem-se!"

» Como reorganizar um país vulnerável?

» Edição de Janeiro de 2021

» O presidente, a saúde e o emprego

» Quem será o próximo inimigo?

» Edição de Dezembro de 2020

» A democracia desigual e os neoliberais autoritários


Comentários sobre esse texto:

Os números do preconceito



2009-08-17 14:57:02

Os números do preconceito

Uma observação sobre o comentário anterior, acho que o autor não percebeu que a diferença numérica se dá por aborto seletivo...



2006-10-07 22:12:27

Os números do preconceito

o fato de na china haver mais homens do que mulheres (em nascimentos) significa preconceito? não creio ter entendido assim. acho que a conclusão é muito precipitada, superficial e completamente sem base. que há preconceito contra a mulher na china é fato, é histórico, é cultural. mas os números sobre nascimentos não são conclusivos. podem ser apenas um sintoma de que o país é superpopuloso, e ao nascer menos mulheres, a china talvez possa ver sua população cair... talvez. os meios de se conseguir que nasçam menos mulheres é que podemos discutir. mas, repito, a simples análise dos números de nascimentos não leva a conclusão nenhuma. apenas é um indicador.



2006-07-18 23:34:43

BUSCA

» por tema
» por país
» por autor
» no diplô Brasil

BOLETIM

Clique aqui para receber as atualizações do site.