Jornalismo Crítico | Biblioteca e Edição Brasileira | Copyleft | Contato | Participe! |
Uma iniciativa


» Preparados para o mundo pós-petróleo?

» 3 de julho de 2020

» Destrinchamos a nova lei que mercantiliza a água

» Literatura dos Arrabaldes: O decreto e o levante

» As fronteiras cruzadas em Apocalipse Now

» Bolsonaro usa o vírus para reinventar tortura

» 2 de julho de 2020

» Boaventura: A universidade pós-pandêmica

» As miragens de que se vale a ultradireita

» Em filme, Nise, e sua crítica radical à velha psiquiatria

Rede Social


Edição francesa


» Aux origines de la secte Boko Haram

» Michel Onfray, le dernier nouveau philosophe

» Les forces de l'ordre social

» Vous avez dit « systémique » ?

» Un pays miné par les homicides policiers

» Décollage africain, marasme sénégalais

» BCE, enquête dans le temple de l'euro

» Le procès de M. Barack Obama

» Comment fonctionnent les systèmes de santé dans le monde

» Les nouvelles stratégies pétrolières des Etats et des grandes compagnies


Edição em inglês


» Oil production and consumption around the world

» OPEC's share of production in a changing oil market

» Passport power

» Prato's migrant workforce

» No going back to business as usual

» Trade war in strategic minerals

» When oil got cheaper than water

» A tale of two countries

» Jair Bolsonaro, wannabe dictator

» The culture of health and sickness


Edição portuguesa


» Dois ou três lugares a preencher – a propósito de José Saramago

» A Jangada de Saramago

» Um homem chamado Saramago

» «O desastre actual é a total ausência de espírito crítico»

» Edição de Junho de 2020

» A fractura social

» Vender carros Audi na Birmânia

» Edição de Maio de 2020

» Defender os trabalhadores

» Todos crianças


Comentários sobre esse texto:

Retratos de um "apartheid" médico

Independente de saber quem vai testar, seja animais de laboratório ou animais humanos, o que interessa é que a indústria da doença nos (nós do terceiro mundo) faz parecer seres de quinta categoria... pois eles estão interessados na grana e não na benesse que o medicamento pode trazer para a humanidade. Tanto é que as "doenças orfãs" estão ai! castigando a mesma parte do planeta onde se faz os alardeados testes clínicos para melhorar a qualidade de vida de quem já tem alta qualidade de vida. Parabéns a reportagem pela clareza de detalhes e conteúdo de informação.



2007-06-08 04:28:52

Retratos de um "apartheid" médico

é bem mais ético que se usem cobaias humanas, que SABEM a que estão se submetendo, do que se usar animais inocentes. sou TOTALMENTE a favor!


leila
2007-06-08 03:44:45

Retratos de um "apartheid" médico

Que bom ver (ler)este texto escrito com tantos detalhes. É importantíssimo que o maior número de pessoas possível fique ciente do "valor" ($$$$) da doença. Principalmente no dito terceiro mundo.
Nossa saúde interessa apenas a nós mesmos e àqueles que nos amam....o resto, faz parte da hipnose coletiva a que temos nos sujeitado. Infelizmente.
Clo Bassetto



2007-06-08 03:21:14

Retratos de um "apartheid" médico

Animais tem o mesmo direito de viver de uma pessoa..pq eles e não nós para testes??se o homem quer a cura para uma doença..faça os testes nele mesmo.


Dee Dee Vicious
2007-06-08 01:45:08

Retratos de um "apartheid" médico

Participei de um grupo de voluntários na Unicamp para teste com medicamento para LMC (Leucemia Mielóide Crônica). Assinamos um termo de consentimento depois de lê-lo e ter respondida todas as dúvidas pelo médico responsável. Ficou bem claro que poderíamos abandonar o teste a qualquer momento ou sermos retirados dele pela equipe responsável caso ficasse comprovado que o medicamento não estivesse nos beneficiando. Os efeitos colaterais que poderiam ocorrer foram descritos, esclarecidos e acompanhados com exames.
O teste acabou. O medicamento foi aprovado e já está sendo comercializado nos Estados Unidos. Continuamos sendo acompanhados e recebendo o medicamento gratuitamente.


Jurema
2007-06-08 01:02:40

Retratos de um "apartheid" médico

A materia aborda aspectos de reflexão , sobre como as grandes industrias farmaceuticas , exploram as populações carentes em testes clinicos de novos medicamentos , afim de torna-los , consumiveis e de facil prescrição para pacientes do primeiro mundo. O conteudo
da materia nos leva também a rever filmes como o Jardineiro Fiel mencionado , Senhor das Armas e Diamantes de Sangue.


Site: Retratos de um "apartheid" médico
Roberto Pereira Costa
2007-06-08 00:20:16

Retratos de um "apartheid" médico

O livro de JOhn Le CArré, o JArdineiro Fiel, demonstra bem essa temática. A questão do apartheid médico não é nova, mas quem vai acabar com o lobby da indústria farmacêutica?
Recomendo o filme dirigido por Fernando Meirelles.
Abraços



2007-05-28 22:04:43

Retratos de um "apartheid" médico

- Não fiquei surpreso com a reportagem. A décadas essas experiências ocorrem nos países mais pobres, inclusive no Brasil. A Ciência evoluiu mais rápida do que a moral, do que a ética e a bioética ainda está engatinhando. Não existe perspectivas de melhoras para a grande parcela populacional excluída pela globalização imposta pelos grupos que realmente dominam o planeta. A Democracia será interessante a esses grupos, enquanto eles tiverem interesse nela como lucro, o resto é demagogia. Aos poucos se concretiza o previsto no livro de George Orwell "1984" e no filme de Michel Radfort com o mesmo nome "1984". O pesadelo está apenas começando.


Site: Retratos de um "apartheid" médico
Vilsemar
2007-05-26 22:21:07

BUSCA

» por tema
» por país
» por autor
» no diplô Brasil

BOLETIM

Clique aqui para receber as atualizações do site.