Jornalismo Crítico | Biblioteca e Edição Brasileira | Copyleft | Contato | Participe! |
Uma iniciativa


» A China tem uma alternativa ao neoliberalismo

» Marielle, Moa, Marley, Mineirinho

» As trapaças do gozo individual

» Vermelho Sol, fotossíntese da violência

» Assim arma-se a próxima crise financeira

» Quantos anos o automóvel rouba de sua vida?

» Guerra comercial: por que Trump vai perder

» Mulheres indígenas, raiz e tronco da luta pelo território

» Por que a educação voltou às ruas?

» O ditador, sua “obra” e o senhor Guedes

Rede Social


Edição francesa


» Les soucoupes volantes sont-elles un sous-produit de la guerre froide ?

» Ovnis et théorie du complot

» Boulevard de la xénophobie

» Une machine à fabriquer des histoires

» Un ethnologue sur les traces du mur de Berlin

» Le stade de l'écran

» Un ethnologue à Euro Disneyland

» Lénine a emprunté ses règles d'action à des écrivains radicaux du siècle dernier

» Le rêve brisé de Salvador Allende

» Un ethnologue à Center Parcs


Edição em inglês


» Manufacturing public debate

» August: the longer view

» Trump returns to the old isolationism

» Yellow vests don't do politics

» Kurdish territories in northern Syria

» The changing shape of the Balkans: 1991 / 2019

» Minorities in Kosovo

» Borders 1500-2008

» Man with a mission or deranged drifter

» The Louise revolution


Edição portuguesa


» Edição de Agosto de 2019

» Plural e vinculado à esquerda

» Os talibãs de São Francisco

» Edição de Julho de 2019

» Inconsistências (ou o sono da razão?)

» Comércio livre ou ecologia!

» Edição de Junho de 2019

» As pertenças colectivas e as suas conquistas

» A arte da provocação

» 20 Anos | 20% desconto


Comentários sobre esse texto:

Um brinde no Largo do Arouche

Que narrativa viciante!

Muito bom!

Tava procurando por noticias sobre o Largo do Arouche, mas quando me deparei com esse texto não consegui mais parar de ler!



2008-03-20 16:05:06

Um brinde no Largo do Arouche

Nunca pensei que uma narrativa sobre um taxi rodando com uma bicha pelas ruas de São Paulo pudesse me tirar o fôlego. Gostaria de ler mais coisas do autor. Parabéns.


Ronaldo Monte
2007-11-06 16:12:59

Um brinde no Largo do Arouche

Genial!

Adorei a narrativa, tudo, tudo. Gostaria de ler mais textos do autor.



2007-11-06 04:37:24

Um brinde no Largo do Arouche

São Paulo me assombra o tempo todo, não importa onde eu esteja - Caxingui ou Little Italy. E assim como o "tiozinho" do taxi, nada se passa no meu coração quando na esquina feia do Caetano. Mas é um nada tão denso, tão plúmbeo que intoxica os sentidos. E daí, ninguém sabe o que pode acontecer. A cidade depende mesmo de um brinde roubado, numa manhã perdedora.


Neuza Paranhos
2007-10-12 19:35:22

Um brinde no Largo do Arouche

Não conhecia o autor mas gostei bastante da narrativa.Fez-me lembrar São Paulo, onde vivi entre 1979 e 1987.Não sabia que o Rivieira tinha fechado, doeu.Era cafona mas era referência como a Leiteria Americana na Xavier de Toledo ou bar do Brama.
Senti saudades dessa vida intensa e neurótica que é a vida paulistana.
FERNANDO CANTO


fernando canto
2007-10-12 17:47:31

BUSCA

» por tema
» por país
» por autor
» no diplô Brasil

BOLETIM

Clique aqui para receber as atualizações do site.