Jornalismo Crítico | Biblioteca e Edição Brasileira | Copyleft | Contato | Participe! |
Uma iniciativa


» Nem todo Uber é capitalista

» Comuns, alternativa à razão neoliberal

» “Nova” ultradireita, filha dos neoliberais

» Como os PMs são formados para a incivilidade

» Cinema: três filmes para olhar além da fronteira

» Pacote Guedes (1): Uma distopia cujo tempo passou

» Pacote Guedes (2): Unidos pelo fundamentalismo

» A execução de Baghdadi e o autoengano do Ocidente

» Por que fracassou o mega-leilão do Pré-Sal

» O alento de Mafalda, a rebeldia chilena e… o Brasil

Rede Social


Edição francesa


» Il y a cent cinquante ans, la révolte des cipayes

» Hôpital entreprise contre hôpital public

» Dernières nouvelles de l'Utopie

» Très loin des 35 heures

» Qui a profité de l'unification allemande ?

» Chantages ordinaires chez General Motors

» Gagnants et perdants de l'ouverture chinoise

» L'islam au miroir de la télévision

» Laïcité et égalité, leviers de l'émancipation

» Insécurité sociale programmée


Edição em inglês


» Ibrahim Warde on the rise and fall of Abraaj

» Fighting ISIS: why soft power still matters

» Life as a company troll

» The imperial magazine

» Setting Socrates against Confucius

» Price of freedom on the road

» Global business of bytes

» A firm too good to be true

» In the GDR, old debts and big profits

» ‘Forced flight' of East German women


Edição portuguesa


» No Brasil, os segredos de um golpe de Estado judiciário

» Edição de Novembro de 2019

» Sempre uma coisa defronte da outra

» OTAN: até quando?

» Alojamento local-global: especulação imobiliária e desalojamento

» Rumo a uma governança participativa da vida nocturna de Lisboa

» A Expo'98 e o Parque das Nações: Estado, gentrificação e memória urbana

» Uma história do Habita

» «Ficar sem Tecto»: as demolições no Bairro 6 de Maio

» Gentrificação e turistificação: o caso do Bairro Alto em Lisboa


Comentários sobre esse texto:

A Copa (verde) do Mundo é Nossa!

Detesto ser pessimista ou rogadora de pragas mas, sinceramente, creio que nosso país ainda está de fraldas para um evento nesse porte. Corroborando com outros internautas que bem teclaram as mazelas do Pan, vamos ver uma festa de "tapumes de purpurina", só para inglês ver. Quando a festa acabar, assim como em quase todas as casas, vamos nos deparar com cidades SEM nada do que prometido por ciceronearmos a Copa.
Quero estar enganada, mas como carioca eu sei na pele o que foi prometido com o Pan e o que nos restou.


rodentina
2007-11-20 19:49:20

A Copa (verde) do Mundo é Nossa!

Sem querer ser pessimista, mas sendo, mais uma vez, vamos dourar a pílula. Assim como foi feito nos jogos pan-americanos. Só para citar um exemplo, na época do Pan, moradores do Engenho de Dentro tranquilizaram-se com o forte policiamento no local. No bairro estava um dos palcos do acontecimento, o estádio João Havelange, mais conhecido como Engenhão. No apagar das luzes do Pan não só os atletas partiram, mas também, o policiamento pegou seu quepe e partiu marchando para o quartel.
O Brasil só fica bonitinho na época de grandes acontecimentos. Depois, volta a ser o país dos mensalões e Cpmfs, de um povo esquecido que vive numa fartura danada. " Farta " tudo : educação, saúde, segurança, emprego e seriedade, sem falar no caos aéreo, que aliás, sobra.
Sinceramente não sei se a Copa do Mundo trará benéficio para o povo.
Por enquanto sei apenas de uma coisa : que até lá a imprensa esportiva e etc..etc.., vão falar....falar...e falar exaustivamente da Copa do Mundo, como se o evento fosse salvar o Brasil do bicho papão.
E a pergunta que não quer calar : até lá como estará o meio ambiente ?
De Gaulle tinha razão : o Brasil não é um país sério. Ainda não é e pelo jeito, não será nunca...
O tema é empolgante, mas paro por aqui, pois colocar o dedo nessa ferida chamada Brasil dá laudas e mais laudas de assunto.


Celamar Maione
2007-11-07 18:09:31

A Copa (verde) do Mundo é Nossa!

Assim como foi feito nos jogos pan-americanos, vamos dourar a pílula mais uma vez.
Para citar um exemplo, na época do Pan, moradores do Engenho de Dentro viveram dias de idílio com o forte policiamento no local. No bairro estava um dos palcos do acontecimento, o estádio João Havelange, mais conhecido como Engenhão. Porém, no apagar das luzes, não só os atletas partiram, mas também o policiamento pegou seu quepe e marchou rumo ao quartel.
O Brasil só fica "bonitinho" na época de grandes acontecimentos. Depois, volta a ser o país dos mensalões e Cpmfs, de um povo esquecido que vive numa fartura danada. " Farta " tudo : educação, saúde, segurança, emprego e seriedade, sem falar no caos aéreo, que aliás, sobra.
Sinceramente não sei se a Copa trará algum benefício para o povo.
Por enquanto sei que até 2014 a imprensa vai falar exaustivamente da Copa do Mundo, como se o evento fosse salvar o Brasil do bicho papão. Viraremos o país de Alice.
De Gaulle tinha razão : o Brasil não é um país sério.


Celamar Maione
2007-11-07 18:08:46

A Copa (verde) do Mundo é Nossa!



2007-11-06 12:10:21

A Copa (verde) do Mundo é Nossa!



2007-11-06 12:10:21

A Copa (verde) do Mundo é Nossa!

Adorei a observaçâo diferenciada feita pelo Diplô. Enquanto os outros jornais ficam apenas no "oba-oba" da Copa na esperança de reforçarem seus cofres com patrocínios para o evento, o Diplô foi o único a levantar essa bandeira da responsabilidade socioambiental do evento. Espero que essa nova coluna de vocês tenha vida longa para que cobre essas promessas "de campanha" para quando o evento acontecer no Brasil. Boa a comparação com o Pan 2007. Gostei muito da coluna. Como professora observo ser raro bom texto e desenvolvimento de idéias hoje em dia.


Site: http://http://diplo.uol.com.br/forum1991
Monique Lima
2007-11-05 22:20:43

A Copa (verde) do Mundo é Nossa!

Boa iniciativa. Boa analogia da paixão brasileira pela Copa com o meio ambiente. Fato que passou despercebido pelo que li nos outros meios de comunicação a respeito do anúncio do Brasil como sede da Copa


Site: A Copa (verde) do Mundo
Arthur Gomes
2007-11-05 20:25:14

A Copa (verde) do Mundo é Nossa!

Parabéns ao Diplo por abrir espaço para a reeponsabilidade social que é sempre tratada de forma superficial ou com interesses mercadológicos pelos demais vaículos de comunicação. A estréia demonstrou texto excelente, visão crítica aguçada e conhecimento técnico de causa. Espero que mantenham essa independência e qualidade e não se deixem influenciar caso arrumarem um patrocinador, conforme verificamos contaminações como nos casos do "Razâo Social" do Globo e o "JB Ecológico", o Ação da TV Globo e os similares da Globonews e Record News, que começaram independentes mas que ao aumentarem a carteira de anunciantes se transformaram em porta-vozes dos mesmos.

Mônica Cruz - engenheira ambiental


Site: A Copa do Mundo (verde) é nossa
Monica
2007-11-05 20:17:21

A Copa (verde) do Mundo é Nossa!

Acho muito importante a mensagem abordada nesta coluna. Não podemos deixar que o ufanismo e nossa paixão pelo futebol encubram o lado crítico. As ditaduras Vargas e militar souberam usar isso. E os governos atuais parecem que querem resgatar. Ótimo a Copa aqui, como diz a crônica, porém como ressalta a própria coluna, não podemos nos deixar embriagar pela paixão futebolística e esquecermos da cobrança das promessas, entre elas: melhorias de infra-estrutura e de um reposicionamento ambiental. O exemplo dos Jogos Pan-Americanos, como lembrado de forma responsável pela própria coluna, resume bem o grau de comprometimento de nossos governantes. Promessas e marketing - muitas, mas atitudes - poucas.


Site: responsabilidade
André de Oliveira
2007-11-05 16:10:39

A Copa (verde) do Mundo é Nossa!

Muito interessante a abordagem dessa coluna escrita por Luiz André. Embora curta, é bastante objetiva e nos faz refletir sobre diversos aspectos que, explicitamente ou não, geralmente estão muito relacionados entre si, como política, cultura de massa (ou melhor, neste caso, "esporte de massa"), situação socio-econômica do País e o tema tão recente e urgente que é o da preservação do meio ambiente... Parabéns ao autor do texto!

(apenas uma observação para quem atualiza o portal: o link para o resumo do perfil de Luiz André Ferreira remete a uma página sem conteúdo...)


Marcelo Iha
2007-11-04 21:34:41

A Copa (verde) do Mundo é Nossa!

ninguém comentou ainda? credo!


peru
2007-11-04 17:23:49

BUSCA

» por tema
» por país
» por autor
» no diplô Brasil

BOLETIM

Clique aqui para receber as atualizações do site.