Jornalismo Crítico | Biblioteca e Edição Brasileira | Copyleft | Contato | Participe! |
Uma iniciativa


» A desigualdade brasileira posta à mesa

» Fagulhas de esperança na longa noite bolsonarista

» 1 de setembro de 2020

» O fim do mundo e o indiscreto racismo das elites

» O milagre da multiplicação de bilhões — para os bancos

» Movimento sindical em tempos de tormenta

» 31 de agosto de 2020

» A crucificação de Julian Assange

» Nuestra America: os cinco séculos de solidão

» Ir além do velho mundo: lições da pandemia

Rede Social


Edição francesa


» Hummocks, sentinelles de notre planète

» Gaz et litige frontalier

» Diaspora libanaise

» Liban : comparaison régionales

» Communautés religieuses au Liban

» Empereurs des médias, de Springer à Murdoch

» « L'Avenir prisonnier »

» Oran, 5 juillet 1962...

» « Mes voisins sont de drôles de types »

» Eternel retour des bandes de jeunes


Edição em inglês


» Back to the JCPOA?

» China's outlaw armada

» Timidity in New Zealand

» November: the longer view

» The defeats of Golden Dawn

» Border tensions

» China: its rise and rise

» China leads the 5G race

» South Korea's feminists fight back

» The biosecurity myth


Edição portuguesa


» Ofereça uma assinatura de 6 meses, apenas €18

» Edição de Novembro de 2020

» A máquina infernal

» Requisição civil

» Um resultado que ninguém aceitará

» Edição de Outubro de 2020

» Distâncias à mesa do Orçamento

» Falsas independências

» Trabalho na cultura: estatuto intermitente, precariedade permanente?

» RIVERA


Comentários sobre esse texto:

Os "poliglotas descalços"

02/01/08

Se vivendo tão somente (que mente brilhante, porém usada para o "dominio")49 anos eu imagino como seriam, hoje, as políticas que Kissinger, alemão de nascimento, não teria para com a América do Sul numa continuação da já aplicada, nos anos de exceção, ao ABC - Argentina, Brasil e Chile, com a Operação Condor que FHC teimava em se colocar à margem do conhecimento daquela ação tão nociva quanto desrespeitosa a paises livres como os do triangulo ABC!. Que a terra seja muito leve aos restos mortais de Nicholas Spy(espião)kmam, como deverá ser aos do senhor Kissinger por tanta intervenção danosa a outros países. Quando terminarão os "dominios economicos e bélicos" dessa grande nação do norte contra o mundo? Há muitos Vietnames por aí.


morani
2008-01-02 21:07:12

Os "poliglotas descalços"

Este artigo deveria ser lido em cadeia nacional todos os dias durante um mês!


Helio Borgoni
2007-12-30 23:37:32

BUSCA

» por tema
» por país
» por autor
» no diplô Brasil

BOLETIM

Clique aqui para receber as atualizações do site.