Jornalismo Crítico | Biblioteca e Edição Brasileira | Copyleft | Contato | Participe! |
Uma iniciativa


» 15 de agosto de 2022

» O que precisamos aprender com André Janones

» 11 de agosto: balanço e perspectivas

» A lição de Lima Barreto na Crítica Impura

» E se a agricultura favorecer a reindustrialização?

» 12 de agosto de 2022

» Nos arquivos soviéticos, a vida real sob Stálin

» Propostas agroecológicas para o novo governo Lula

» Crônica: Influências

» Conversas entre a psicanálise e a terapia psicodélica

Rede Social


Edição francesa


» Entourloupes démocratiques

» Poussières d'empire britannique

» L'Europe ? « Yes… but no »

» Le grand plongeon des Britanniques

» Pathologies de la démocratie

» Vote Le Pen, une bataille de proximité

» L'Afrique du Sud lassée de ses libérateurs

» Le rêve américain au miroir du basket-ball

» Minsk se rebiffe contre le grand frère russe

» L'agriculture biologique dans l'Union Européenne


Edição em inglês


» August: the longer view

» America's ageing nuclear facilities

» Julian Assange, unequal before the law

» Wuhan: the Covid diary

» The high price of becoming a student in Russia

» Why Parisians fear and loathe Saint-Denis

» Kosovo's problematic special status

» Summer in Moldova: will the party have to stop?

» Three little letters the world came to hate: IMF

» Will the FARC accords finally work under Petro?


Edição portuguesa


» Dos lucros dos oligarcas aos vistos dos pobres

» Em defesa da água e do futuro do Algarve

» A escrita delas, África em Portugal (ou Donde sou)

» Vozes femininas e o livre imaginar

» O Comité de Salvamento Privado

» A burguesia francesa recompõe-se em Versalhes

» Que país pode ser independente?

» O fim do desencanto para os ex-guerrilheiros?

» Acarinhar Pinochet, destruir Assange

» Ardósia mágica


Comentários sobre esse texto:

O Fórum Social Mundial e a crise da globalização

Temo pelo pior.

Acho que essa crise traz oportunidades mas sou pessimista : ela acabará por ser "resolvida" da pior forma possível, os ricos falidos e cheios de armas da OCDE irão às armas, claro .

Já estão em armas, mas virá mais e pior do que se viu até agora.

Como se pode confiar que será tudo de mansinho ?

Os donos do poder capitalista ocidental existem e eles querem mais, custe o que custar, sempre . Espero o horror .


Clausewitz
2009-03-14 17:37:04

O Fórum Social Mundial e a crise da globalização

Gostaria de discordar. A democracia representativa se adapta muito bem às necessidades do nosso mundo. Democracia direta não é sinônimo de transparência financeira. Democracia direta parece hierarquia de escola de samba: todo mundo manda e ninguém manda, só o chefão. Democracia direta soa um certo castrismo. Nosso problema é acrediatr na democracia representativa como um modo de tirar a responsabilidade de nossos ombros. Vocês sabem do que estou falando, votamos nos parlamentares e depois viramos as costas para a sociedade. Ao fazermos isso, eles se sentem à vontade para corromper e serem corrompidos. Alguém se lembra em quem votou para vereador na primeira vez?


Muska
2009-03-03 15:28:33

O Fórum Social Mundial e a crise da globalização

È extremamente grave a situação bilões de pessoas vivem em condições sub-humana,o desemprego avança, o sistema ecônomico está falido, os trabalhadores rurais são massacrados pelos grandes, milões de criança já não tem infância desde cedo são empurrada para o crime a prostituição e o trabalho infantil,aé quando as autoridades permanecerão com os olhos fechados ?!


Osvaldo Ferreira dos Santos
2009-02-03 13:48:04

O Fórum Social Mundial e a crise da globalização

A hora é agora. Mesmo que ainda não tenha surgido a nova palavra de ordem e nem a autoridade capaz de apontar o novo rumo, é essencial que os fóruns sociais se multipliquem como exercício de superação da cultura subordinada à democracia representativa.
Um novo mundo é possível e cada dia mais urgente. Enquanto isso vamos definindo e redefinindo rumos. O caminho se fará ao caminhar.


Vicente Melo
2009-01-23 20:14:56

BUSCA

» por tema
» por país
» por autor
» no diplô Brasil

BOLETIM

Clique aqui para receber as atualizações do site.