Jornalismo Crítico | Biblioteca e Edição Brasileira | Copyleft | Contato | Participe! |
Uma iniciativa


» Chantagem do governo aos desempregados

» Ruínas do neoliberalismo: Chile, caso precursor

» E se as startups pertencessem a seus funcionários?

» Boaventura vê Lula Livre

» América Latina: a ultradireita contra-ataca

» O Mercado, os economistas e outros seres transcendentais

» Nem todo Uber é capitalista

» Comuns, alternativa à razão neoliberal

» “Nova” ultradireita, filha dos neoliberais

» Como os PMs são formados para a incivilidade

Rede Social


Edição francesa


» A Berlin, le face-à-face des intellectuels de l'Est et de l'Ouest

» Réveil politique à l'Est

» Les Allemands de l'Est, sinistrés de l'unification

» Le difficile chemin de la démocratie espagnole

» Il y a cent cinquante ans, la révolte des cipayes

» Hôpital entreprise contre hôpital public

» Dernières nouvelles de l'Utopie

» Très loin des 35 heures

» Qui a profité de l'unification allemande ?

» Chantages ordinaires chez General Motors


Edição em inglês


» November: the longer view

» Ibrahim Warde on the rise and fall of Abraaj

» Fighting ISIS: why soft power still matters

» Life as a company troll

» The imperial magazine

» Setting Socrates against Confucius

» Price of freedom on the road

» Global business of bytes

» A firm too good to be true

» In the GDR, old debts and big profits


Edição portuguesa


» No Brasil, os segredos de um golpe de Estado judiciário

» Edição de Novembro de 2019

» Sempre uma coisa defronte da outra

» OTAN: até quando?

» Alojamento local-global: especulação imobiliária e desalojamento

» Rumo a uma governança participativa da vida nocturna de Lisboa

» A Expo'98 e o Parque das Nações: Estado, gentrificação e memória urbana

» Uma história do Habita

» «Ficar sem Tecto»: as demolições no Bairro 6 de Maio

» Gentrificação e turistificação: o caso do Bairro Alto em Lisboa


Comentários sobre esse texto:

trabalho infantil agricola

todos os anos , especialmente no periodo do plantio e da colheita milhares de crianças brasileiras que rezidem na zona rural , afastan-se da infância , e se aproximan-se de sua mão de obra....
Na bahia á o maior indíce de crianças trabalhadoras do país .dos meninos e meninas baianos com idades de 5 a 14 anos,9,13% trabalham .


tatiane pissinatti
2007-11-05 19:04:24

Exploração infantil

que pena que ainda exista isso no nosso brasil, sãopessoas sem escrupulos que querem, escravisar as crianças do nosso brasil, crianças que poderiam estar na escola aprendendo a ler e escrever para que onosso pais sai do indice de anafabetização.epara termos salarios dignos de sobrevivencia.Diga não a exploração de criançãs


thacia milla
2007-05-08 14:58:47

Exploração infantil

concordo com tudo que disseram,mas naum adianta apenas concordarmos uns com os outros temos de agir.Mas nos que somos populaçaum não temos tanta prioridade, quem tem é as autoridades que naum querem justiça só querem dinheiro e mais dinheiro........... .


Luana Oliveira
2007-05-01 18:30:26

Exploração infantil

Se faz importante que a sociedade observe melhor a situação das pessoas que formam esse conjunto que chamamos de comunidade, não só aquela a qual fazemos fisicamente parte, mas sim, a que nossos olhos não alcanção. É preciso um trabalho de maior seriedade por parte daqueles que possuem autoridade para isto e como não somos completamente inocentes nesta situação, fazermos nossa parte numa eterna vigilância.


Karmem Kris
2007-03-15 02:36:02

Exploração infantil

Quem ajuda pessoas [animais]que fazem esploração infantil
nao presta mesmo temos que abri os olhos e tomarmos uma providensia como que queremos que o brasil va pra frente se deixamos coisas dessas passarem por nos e nos nao darmos bola
temos que tomar providencias urgente crianças sem alfabetisaçao tem familia
sem nada trabalhando pra guanar apenas1real por dia onde nosso mundo vai parar

quantas coisas podemos evitar mais nao fingimos que somos segos a esses tipos de problemas temos que tomar providensias e urgunte


Site: esploração infantil
amanda
2007-03-05 02:50:35

Exploração infantil

Em pleno séc.XXI isso continua acontecendo, por que as autoridades, principalmente os políticos, não fazem nada? onde estão as crianças que estão desaparecendo misteriosamente no Brasil nos ultimos anos? Não é possivel que os responsáveis não tenham filhos. Por que a desgraça de milhoes de familia é tão insignificante diante do dinheiro? Eu acredito na justiça de Deus, mas tenho nojo da justiça dos homens.


Site: Esxploração Infantil jul 2002
maris
2006-10-01 20:50:05

BUSCA

» por tema
» por país
» por autor
» no diplô Brasil

BOLETIM

Clique aqui para receber as atualizações do site.