logo

julho 2008



MÍDIA PÚBLICA

Nem privada, nem estatal

Com informações da BBC Brasil

Estabelecimento autônomo (Corporation) criado em 1927, a BBC não é controlada nem pelo estado nem pelo capital privado. trata-se de um bem público, isto é, da população, quase exclusivamente financiada pela “taxa sobre a televisão” estabelecida para cada domicílio. em 2007, o valor dessa contribuição foi fixado em torno de € 185. A estas receitas acrescem-se os lucros de uma de suas filiais comerciais, BBC World-wide, assim como a subvenção – de € 312 milhões em 2007 – oriunda do Foreign Office (Ministério dos assuntos estrangeiros) por seu serviço mundial. Com um orçamento total de € 4,5 bilhões, as cadeias públicas britânicas não veiculam nenhum tipo de publicidade.

A Corporation conta com duas cadeias gerais de televisão hertzianas (com aproximadamente 30% dos índices de audiência), seis cadeias digitais difundidas pelo suporte TNT Freeview, cabo e satélite, cinco cadeias de rádio nacionais, cinco estações de rádio digitais e perto de 40 estações locais, que detêm 55% dos índices de audiência.

O serviço mundial da BBC transmite seus programas em 33 línguas, recebidos por 180 milhões de espectadores mundo afora. A BBC intervém igualmente em uma dúzia de cadeias internacionais em parceria com operadoras privadas, a maioria norte-americana. Dispõe ainda de cerca de 40 escritórios permanentes instalados fora do reino unido, o que lhe garante uma incomparável cobertura internacional. O Brasil é um deles. Aqui, a BBC acaba de completar 70 anos. O início do serviço de notícias em português estreou em 14 de março de 1938 com uma notícia sobre as movimentações políticas que antecederam a Segunda guerra Mundial. “O senhor Hitler entrou hoje à noite em Viena”, disse o apresentador Manuel Braune, o aimberê. A transmissão, na época apenas em rádio, foi feita em ondas curtas.