Jornalismo Crítico | Biblioteca e Edição Brasileira | Copyleft | Contato | Participe! |
Uma iniciativa


» 18 de maio de 2022

» Os deadbots e os limites éticos da tecnologia

» Por outra Política de Ciência, Tecnologia e Inovação

» A Nave dos Loucos e os espaços da (des)razão

» WikiFavelas: O racismo religioso de cada dia

» 17 de maio de 2022

» As necessárias “heresias” de Lula

» A rebelião dos idiotas

» O arame farpado na existência dos Guarani-Kaiowá

» Por que a cracolândia funciona?

Rede Social


Edição francesa


» Le monde arabe en ébullition

» Au Proche-Orient, les partis pris de la Maison Blanche

» L'abolition du territoire

» Regard sur Sarajevo

» Les progrès du libéralisme économique à Sri-Lanka

» Le marché du blé pourra-t-il être codifié par un nouvel accord international ?

» Le président Marcos allié gênant et retors des États-Unis

» Front de gauche, ou la fin d'une malédiction

» Le défi indien et le colonialisme blanc

» La participation des travailleurs : cote difficile à tailler


Edição em inglês


» Lebanon: ‘Preserving the past in hope of building the future'

» May: the longer view

» Fragmented territories

» A clash of memories

» Alsace's toxic time bomb

» The poisonous problem of France's nuclear waste

» Can Medellín change its image?

» Venezuela: a ‘country without a state'

» The urgent need to preserve Lebanon's past

» French troops forced to withdraw from Mali


Edição portuguesa


» Morrer em Jenin

» Recortes de Imprensa

» Será a caneta mais poderosa do que a espada?

» A Hipótese Cinema

» Um projecto ecofeminista em Aveiro

» David Bowie em leilão

» Como Pequim absorveu Hong Kong

» Na Colômbia, o garrote Medellín

» Face ao colapso, o Líbano quer preservar a sua memória

» Continua a Inglaterra a ser britânica?


Genoma e Risco de Apartheid Biológico

A quem pertence o DNA?

Transnacionais farmacêuticas, antropólogos, governos e polícias buscam reunir o maior número possível de dados genéticos sobre as populações. Saúde e Ciência podem se tornar pretextos para que algumas empresas controlem a produção de medicamentos inovadores e para invasões de privacidade

Franz Manni
23 de junho de 2008

O lado oculto do clone

Apesar da indignação geral, experiências que tinham como perspectiva a clonagem humana não foram proibidas e, portanto, continuaram a ocorrer, demonstrando a ambivalência da ética da ciência oficial

Jacques Testart
1º de abril de 2003

A primeira batalha

Fabricante exclusivo dos ’software’ que permitiam a análise das seqüências de DNA, a Applied Biosystems teve seu programa, codificado, quebrado pelos próprios pesquisadores envolvidos no projeto. E foi obrigada a jogar a toalha...

John Sulston
1º de dezembro de 2002

Genoma humano a salvo da especulação

Atribuindo o Prêmio Nobel de Medicina a Sydney Brenner, H. R. Horvitz e John Sulston, o comitê recompensou os principais protagonistas do empreendimento científico que resultará, em 2003, na passagem ao domínio público da totalidade da seqüência do genoma humano

John Sulston
1º de dezembro de 2002

O que dizem os dinossauros?

De repente, os dinossauros passaram a ganhar espaço nos jornais. Mas não é por um interesse bizarro por “mundos perdidos”: o que move a mídia são os sonhos loucos que aparecem com as promessas genéticas de um novo “salto” da humanidade

Serge Tisseron
1º de agosto de 2002

Palavras-chave no mesmo grupo
[temas atuais]

Outros grupos de palavras-chave

BUSCA

» por tema
» por país
» por autor
» no diplô Brasil

BOLETIM

Clique aqui para receber as atualizações do site.

Destaques

» O planeta reage aos desertos verdes
» Escola Livre de Comunicação Compartilhada
» Armas nucleares: da hipocrisia à alternativa
» Dossiê ACTA: para desvendar a ameaça ao conhecimento livre
» Do "Le Monde Diplomatique" a "Outras Palavras"
» Teoria Geral da Relatividade, 94 anos
» Para compreender a encruzilhada cubana
» Israel: por trás da radicalização, um país militarizado
» A “América profunda” está de volta
» Finanças: sem luz no fim do túnel