Jornalismo Crítico | Biblioteca e Edição Brasileira | Copyleft | Contato | Participe! |
Uma iniciativa


» Seriam os QR Codes microespiões do capital?

» A complexa relação entre os neoliberais e a dor

» Boaventura: o poder cru e o poder cozido

» A poesia das mulheres que alumiam noites

» 21 de outubro de 2021

» Para desvendar as lógicas do capital e da guerra

» Teatro Oficina reabre em celebração de reexistência

» Cinema: o que não perder no grande festival

» 20 de outubro de 2021

» Como narrei a ditadura brasileira

Rede Social


Edição francesa


» Etes-vous heureux, ravi ou enchanté de travailler dans un institut de sondage ?

» Infernal manège des sondages

» Droit du travail : vers des « jugements automatiques »

» Mes vacances en Terre sainte

» Les bonnes recettes de la télé-réalité

» Mme Michèle Alliot-Marie emportée par la foule

» Jusqu'où obéir à la loi ?

» Ces « traîtres » qui sauvèrent l'honneur de la France

» A la recherche d'un destin commun en Nouvelle-Calédonie

» L'école algérienne face au piège identitaire


Edição em inglês


» Millennial Schmäh

» UK: what happened to the right to food?

» Taiwan at the heart of the US-China conflict

» October: the longer view

» What do we produce, and why?

» Hunger in France's land of plenty

» In search of a good food deal

» Georgia's love-hate affair with Russia

» Latin America faces tough choices

» Recognising the PRC


Edição portuguesa


» Edição de Outubro de 2021

» Um império que não desarma

» Convergir para fazer que escolhas?

» O mundo em mutação e o Estado - em crise?

» Edição de Setembro de 2021

» Transformação e resiliência

» O caminho de Cabul

» Edição de Agosto de 2021

» Ditadura digital

» Desigualdades digitais


Comentários sobre esse texto:

Até onde irá Bento XVI?

Bendito seja, Bento XVI, o que vem em nome do Senhor! Viva o Papa!!!


Diego
2008-10-28 21:27:38

Até onde irá Bento XVI?

O Papa é prudente e sabe o que faz. O concílio vaticano precisa de uma interpretação correta para não ocorrer a protestantizição da missa.

É o Espirito Santo que guia a Igreja e s portas do inferno não prevalecerão contra ela, nunca!



2008-06-23 01:51:24

Até onde irá Bento XVI?

bom dia a todos a paz do senhor ....
so queria dizer uma coisa que eu ouvi esses tempo atras sobre salvaçao ....
eu passando na rua ouvi um homem falar sobre o que eu deveria fazer para ser salvo ??
me perguntei o que sera que eu devo fazer ??? pensei e analisei .... meu se eu tenho pecado e evergonhado DEUS com minhas atitudes preciso mudar .....
agora eu queria perguntar a vc ..... o que sera que vc tem feito para mereçer a salvaçao .....??
sera que acreditar em imagens traz minha salvaçao??? , sera que fzer essas prociçoes tem levado eu a ser salvo??? , sera que eu fikar ai defendendo algo que eu sei que é errado vai dar minha salvaçao???
NAO .
naum jugando a igreja catolica essa naum e minha intensao mais pense comigo se o 1° papa pedro como os catolicos afirma ..... naum aceito que cornelio o centuriao naum se prostasse diante dele nem em forma de dulia(venerao) vcs acham, que maria a "mae de DEUS " como afirma a igreja catolica aceita isso ....
so pare e pense .....

a paz a todos


gustavo
2008-01-14 12:38:03

Até onde irá Bento XVI?

Sr.Pedro Santos, você esta se exaltando muito e humilhando pessoas "Pois todo o que se exalta será humilhado; e o que se humilha será exaltado." (Lucas 14.11)
e "O que rejeita a diciplina menospreza a sua alma, porém o que atende à repreenção adquire entendimento." (Pv. 15.32)

"Porque não me envergonho do evangelho de Cristo, pois é o poder de Deus para salvação de todo aquele que crê; primeiro do judeu, e também do grego".(Rm 1.16)


Edilene
2007-11-29 20:06:24

Até onde irá Bento XVI?

Sr.Pedro Santos, você esta se exaltando muito e humilhando pessoas "Pois todo o que se exalta será humilhado; e o que se humilha será exaltado." (Lucas 14.11)
e "O que rejeita a diciplina menospreza a sua alma, porém o que atende à repreenção adquire entendimento." (Pv. 15.32)

"Porque não me envergonho do evangelho de Cristo, pois é o poder de Deus para salvação de todo aquele que crê; primeiro do judeu, e também do grego".(Rm 1.16)

Fiquem todos na paz de Cristo.

Edilene


Site: http://http://diplo.uol.com.br/forum1508

2007-11-29 20:03:35

Até onde irá Bento XVI?

Não existe Bento XVI... É apenas o mesmo Ratzinger de sempre da Santa Congregação para a Doutrina da Fé... Herdeira da Inquisição, da hierarquização entre os seres humanos, da opulência... Vamos ler a Bíblia, rezar o Pai-nosso, fazer o bem... que é melhor do que seguir um homem que se diz atuar infalívelmente em nome de Deus.


Tiago
2007-09-17 04:59:49

Até onde irá Bento XVI?

Acho que a restauração da missa de Pio V vem em boa hora. Freqüento a missa conciliar do Vaticano II e sinceramente Vejo muitos abusos em sua sagrada liturgia. E não será com uma “espiritualidade protestante” e uma “espiritualidade marxista e atéia” que se conseguirá que os fiéis Tenham uma boa formação cristã, humana, ética e moral. Porém esses abusos litúrgicos devem ser coibidos a partir Da missa de Pio V. É claro que assim logo de cara vai assustar, toda a mudança de início causa medo, insegurança e incerteza, mas creio que será uma ótima oportunidade para os cristãos católicos Que não conhecem nada sobre a sua religião, agora conhecerem. Talvez essa missa seja uma resposta do papa Bento XVI Frente a aquilo que ele atribui de “ditadura do relativismo”, Onde os cristãos são tentados pela filosofia marxista, Liberalista, modernista. Peço a Deus que com essa mudança a Igreja viva uma “Nova primavera do Espírito Santo” em nosso tempo tão difícil


Ricardo
2007-09-16 20:04:51

Até onde irá Bento XVI?

eu quero + eh q a missa em latim seja obrigatória, p/ acabar c/ essa farra de showmissa do pe. marcelo, pe. Jonas, e tnatos outros, e c/ a politiquice da teologia da "libertação", q soh faz defender os bandidos do MST e índios corruptos!

PS: tenho 28 anos e nunca vi uma missa em latim, mas algumas pessoas q conheço, q têm + de 50 anos, se lembram dela e acham q antigamente era melhor, pois os fiéis tinham + respeito.

PS 2: e quantos aos "evangélicos": leiam a Bíblia sim, mas leiam direitinho, e não no q só lhes interessar.

fiquem todos com DEUS!


greenblood
2007-03-07 21:06:19

Até onde irá Bento XVI?

Sr. Pedro Santos

Em primeiro lugar quero deixar claro que não pertenço a nenhuma pedra vagabunda. Sou um cristão. Creio somente em Cristo como meu único e suficiente Salvador (Atos 4.11.12). Quem vive adorando estátuas de barro e desobedecendo a Palavra de DEUS são os católicos romanistas (Deuteronômio 5.8.9). Provei através de textos bíblicos que a doutrina papal é uma invenção da "igreja católica romanista". Receba mais informações:
O QUE A BÍBLIA REGISTRA SOBRE PEDRO COMO PAPA?
Não há menção ao ofício de Papa nas Escrituras. À luz do fato que a palavra papa vem da palavra grega que significa pai, é interessante notar que, quando Jesus estava ensinando seus discípulos e as multidões sobre a hipocrisia dos escribas e dos fariseus, ele os instruiu com as seguintes palavras: "Quanto a vocês, nunca se deixem chamar mestre, pois um só é o mestre de vocês, e todos vocês são irmãos. Na terra, não chamem a ninguém Pai, pois um só é o Pai de vocês, aquele que está no céu. Não deixem que os outros chamem vocês de líderes, pois um só é o Líder de vocês: o Messias" (Mateus 23.8-10). (Só em 384 d.C., o bispo de Roma se autodenominou "papa" pela primeira vez). Todavia, o próprio Senhor Jesus Cristo reunido aos seus apóstolos, deixa bem claro que desaprova a hierarquia em sua Igreja (Mateus 20.25-28). O Novo Testamento não diz, em parte alguma, que Pedro esteve em Roma. Para dar credibilidade histórica à tradição, o papa Pio XII (amigo dos nazistas), após a Segunda Guerra Mundial, ordenou a escavação sob a basílica. E, em 1965, com base em alguns fragmentos de ossos encontrados num relicário, o papa Paulo VI declarou serem de Pedro. Conforme o historiador católico Duffy, “não se pode garantir que sejam do apóstolo Pedro, mesmo porque os criminosos executados geralmente eram enterrados em valas comuns sem sinalização”. Hans Küng confirma o historiador Duffy: “A arqueologia não foi capaz de identificar sua tumba debaixo da atual basílica do Vaticano”. Segundo Küng, Leão I foi o primeiro bispo de Roma, portanto, o primeiro papa a ser enterrado sob a Basílica romana. Todas essas considerações apreciadas e ponderadas nos revelam, sem grandes esforços, que tais mitos católicos não são unânimes nem mesmo entre os pensadores católicos, fato que, muitas vezes, é camuflado pela mídia secular e tendenciosa. “Não há qualquer evidência de um sucessor de Pedro (também em Roma) no Novo Testamento.
De qualquer forma, a lógica da fé de Pedro em Cristo (e não a fé em qualquer sucessor) deveria ser e permanecer a base constante da Igreja “. E, ainda:...” O inescrupuloso bispo Damaso (366-384) foi o primeiro a usar a frase de Mateus (16.18-20) sobre a pedra (que ele entendeu num sentido legalista) para respaldar reivindicação ao poder “. Afinal, Pedro é a pedra, a rocha firme? Parece que não, pois, apesar de Pedro ser o porta-voz dos discípulos”, sua deficiência em compreender, sua covardia e, finalmente, sua fuga”, relatadas nos evangelhos, depõe contra a firmeza exigida para ser uma rocha inabalável, sobre a qual se possa edificar a Igreja do Senhor Jesus.
“O bispo Sírico (384-399) foi o primeiro a se intitular ‘papa’”. A verdade é que o papado romano não se fez em um dia. Conscientes de seu poder, os bispos de Roma dos séculos 4 e 5 caminharam na direção de uma supremacia universal. Para isso, desenvolveram argumentos bíblicos e teológicos que, com o passar dos séculos, se tornaram dogmas incontestáveis. Leão I (440-461) é quem de fato recebeu o título de “papa” no sentido atual do termo, conforme historiadores. Seu prestígio legendário como papa teve início quando teria persuadido Átila, rei dos hunos, a deixar a Itália, sem saquear Roma, no início do ano 450 a.C., aproximadamente, quatro séculos depois de Pedro. PEDRO JAMAIS ASSUMIU E NEM REIVINDICOU LIDERANÇA NA IGREJA PRIMITIVA. Temos do apóstolo Pedro duas cartas que fazem parte do Novo Testamento. Não há nesses documentos o mais ligeiro vestígio que denote supremacia pontifícia. O autor considera-se cristão entre cristãos, fala como irmão a irmãos, igual a iguais. Não dá ordens, preceitos, mandamentos de superior para inferiores. Pedro ignora evidentemente a dignidade que, a partir do século quarto, lhe foi atribuída por alguns historiadores eclesiásticos interessados em centralizar o governo da Igreja na capital do Império Romano. O próprio Pedro desfaz a lenda de seu suposto cargo de papa ao dizer que: “ninguém tenha DOMÍNIO sobre o rebanho...” (I Pedro 5.1-3) Não se pode ver aí nenhum vestígio de superioridade, supremacia ou destaque sobre os demais, pois ele mesmo se igualava aos outros dizendo: “... que sou também presbítero como eles...” Pedro jamais mandou! Pelo contrário, foi mandado...E obedeceu (Atos 8.14) fazendo jus às palavras de Jesus “Não é o servo maior do que o seu senhor, nem o enviado maior do que aquele que o enviou” (João 13.16).

A bem da verdade, a Igreja nunca poderia estar solidamente edificada sobre homem algum, pois Pedro apesar de ter sido um grande apóstolo, foi, no entanto, falível e passível de erro como demonstra de maneira sobeja o contexto imediato (Mateus 16.23) e os demais escritos neotestamentario.
Pedro em nenhum momento disse de si mesmo como a rocha ou pedra da igreja, se não, Marcos teria confirmado de modo enfático.
Se porventura o dogma da superioridade de Pedro é verdadeiro e de tamanha importância, como a “igreja católica romanista” ensina, não parece praticamente inconcebível que os registros de Marcos e de Lucas se silenciem a respeito?

PEDRO ESTEVE EM ROMA?
Não obstante a Bíblia trazer um silêncio sepulcral sobre o assunto, os católicos romanistas afirmam ser fato incontestável ter sido o apóstolo Pedro o fundador da igreja em Roma. Seu pontificado teria durado 25 anos na capital do império com conseqüente morte neste lugar. Vejamos:

Pedro não pode ter sido papa durante 25 anos, pois foi martirizado no reinado do Imperador Nero, por volta de 67/68. Subtraindo vinte cinco anos, retrocederemos ao ano de 42 ou 43. Nessa época não havia se realizado o Concílio de Jerusalém (Atos 15), que se deu por volta de 48-49 Pedro participou (mas não deveria, pois segundo a tradição, nesta época, ele estava em Roma), no entanto, foi Tiago quem o presidiu (Atos 15.13,19).

Em 58 Paulo escreveu a epístola aos Romanos. E no capítulo 16 mandou uma saudação para muitos irmãos, mas Pedro sequer é mencionado. Paulo chegou a Roma no ano 62 e foi visitado por muitos irmãos (Atos 28.30 e 31). Todavia, nesse período, não há nenhuma menção de Pedro. O Apóstolo Paulo escreveu várias cartas de Roma: Efésios, Colossenses, Filemon (62), Filipenses (61 ou 62) e II Timóteo (entre 64 e 67, pouco antes de sua morte na prisão em Roma), mas Pedro não é mencionado em nenhuma delas. Se Pedro estava em Roma no ano 60, como se deve entender a revelação referida nos Atos dos Apóstolos 23.11, em que Jesus disse a Paulo: “Importa que dês testemunho de mim também em Roma?” Cadê o papa de Roma na ocasião?

Durante todo o ministério de Paulo, e, em todas as suas epístolas não há uma só menção ao ofício de papa. Paulo evangelizou boa parte do mundo conhecido de então. Ora, se esse tipo de liderança existisse na Igreja Primitiva, certamente Paulo teria orientado todos os cristãos no sentido de obedecerem a autoridade do suposto chefe da Igreja. O nome de Pedro como papa, bem como esse tipo de liderança não é citado em momento algum no Novo Testamento.

O livro do Apocalipse registra um momento grave de muito perigo. A Igreja de Cristo sofria feroz perseguição do Império Romano. João escreve mensagens de advertência e consolo para sete Igrejas.
A data desta perseguição se situa entre anos 95 ou 96. Todavia, não existe nenhum registro da existência de algum papa.
Ora, segundo afirmam os católicos romanistas, o papa é o chefe da Igreja, como se explica que João não lhe tenha informado nada sobre aquela situação da Igreja?

A grande verdade é que PEDRO NUNCA FOI PAPA E NEM O PAPA É O VIGÁRIO DE CRISTO. Como não podem refutar as Escrituras, só resta aos romanistas apelarem para as tradições de homens pecadores.

Antonio de Paula Rocha Lima
Lages - Paracambi - Rua Umbelina Gomes Coelho 185
Estado do Rio de Janeiro
dep_rocha@yahoo.com.br



Site: Até onde irá Bento XVI?
Antonio de Paula Rocha Lima
2007-03-07 15:09:57

Até onde irá Bento XVI?

Amai-vos ums aos outros como eu vos amei!
Serà que Cristo lendo todas essas mensagem escritas nesse site nao se envergonharia de chamar voces de irmaos e de filhos de Deus!
Ficar discutindo qual è a melhor religiao è a coisa mais idiota que eu jà vi!
Em primeiro lugar antes de sermos, catòlicos,protestantes ou de qualquer outra religiao somos CRISTAOS filhos de Deus!
E isso quer dizer que somos todos irmaos!
Diferenças todos nòs temos, mas devemos respeitar o nosso pròximo!
Basta com essa discussao vergonhosa!


MAX
2007-02-27 13:43:54

Até onde irá Bento XVI?

O Imperador Constantino em 313 publicou o Édito de Tolerância (ou Édito de Milão) através do qual o Cristianismo é reconhecido como uma religião do Império e que concede a liberdade religiosa aos cristãos...A questão da conversão de Constantino ao Cristianismo é uma tema de profundo debate entre os historiadores, mas em geral aceita-se que a sua conversão ocorreu gradualmente. Constantino estipula o descanso dominical, proíbe a feitiçaria e limita as manifestações do culto imperial. Ele também mandou construir em Roma uma basílica no local onde o apóstolo Pedro estava sepultado e, influenciado pela sua mãe, a imperatriz Helena, ordena a construção em Jerusalém da Basílica do Santo Sepulcro e da Igreja da Natividade em Belém...Mais tarde, nos anos de 391 e 392, o imperador Teodósio I combate o paganismo, proibindo o seu culto e proclamando o Cristianismo religião oficial do Império Romano. Assim, nasceu a igreja católica romana, em 391 depois de Cristo. A verdadeira igreja Cristã (e não tinha outro nome, nem católica, protestante ou qualquer outro nome nasceu, conforme descrito em Atos dos Apóstolos e não tinha papa nem bispo, apenas discípulos e apóstolos de Cristo).
"...E rejeita as questões insensatas e absurdas, sabendo que produzem contendas. E aos servo do Senhor não convém contender, mas sim ser brando para com todos, apto para ensinar, paciente; corrigindo com mansidão os que resistem, na expectativa de que Deus lhes conceda o arrependimento para conhecerem a verdade,...(2Timóteo, 2, 23-25).
"Eu sou o caminho, a verdade e a vida. Ninguém vem ao Pai, senão por mim." João, 14,6.).Paz seja com todos. Amém.


Luciano
2007-02-27 12:53:01

Até onde irá Bento XVI?

Lembrem-se catolicos, que nos dias do Apostolo Paulo, foi dito por ele mesmo, que o homem do pecado iria surgir e isso dentro da própria igreja primitiva e que iria mudar os tempos e a lei, ia fazer guerra com os santos do altissimo e ia prevalecer, quem fez isso? se é que podem responder, que o sabes, depois disso a igreja primitiva nunca mais foi a mesma. uma coisa é certa, igreja não é meramente templos suntuosos mas sim pessoas fieis que fazem a vontade de Deus e guardam a sua lei porque está escrita nos seus corações.parem de se gloriarem por acharem que essa igreja é a que foi estabelecida por Cristo, em parte podem até estarem certos, mas digo até que surgissem realmente o homem do pecado ou seja o "papado", que introduziu o paganismo, o pecado grosseiro na igreja, essa igreja Saiu dos propositos de Deus porque a sã doutrina tão defendida pelo Apostolo Paulo, Foi abandonada por essa igreja em troca de um montão de dogmas impostos obrigados para servir o homem ,não ao Deus unico Todo Poderoso, Criador do universo, aconselho todos a buscar o conhecimento que vem de Deus e não se apegarem em filosofias humanas



2007-02-26 22:54:18

Até onde irá Bento XVI?

Acho que a restauração da missa de Pio V vem em boa hora.
Freqüento a missa conciliar do Vaticano II e sinceramente
Vejo muitos abusos em sua sagrada liturgia.
E não será com uma “espiritualidade protestante” e uma
“espiritualidade marxista e atéia” que se conseguirá que os fiéis
Tenham uma boa formação cristã, humana, ética e moral.
Porém esses abusos litúrgicos devem ser coibidos a partir
Da missa de Pio V.
É claro que assim logo de cara vai assustar, toda a mudança
de início causa medo, insegurança e incerteza, mas creio que
será uma ótima oportunidade para os cristãos católicos
Que não conhecem nada sobre a sua religião, agora conhecerem.
Talvez essa missa seja uma resposta do papa Bento XVI
Frente a aquilo que ele atribui de “ditadura do relativismo”,
Onde os cristãos são tentados pela filosofia marxista,
Liberalista, modernista.
Peço a Deus que com essa mudança a Igreja viva uma
“Nova primavera do Espírito Santo” em nosso tempo tão
difícil.


Ricardo Ferrara
2007-02-26 21:45:07

Até onde irá Bento XVI?

ONDE O PAPA VAI CHEGAR...ISSO SO PERTENCE A DEUS......O IMPORTANTE É SABERMOS ONDE NOS CHEGAREMOS......CREIA NO SENHOR JESUS E SERAS SALVO...TU E TUA CASA....
ESQUEÇA O PAPADO E TODOS OS SANTOS....
SÓ JESUS CRISTO É QUEM SALVA......


Paulino
2007-02-26 20:39:50

Como somos pequenos.

Um assunto tão simples e saudável. Uma abertura para a liberdade de celebrar a missa em latim, e o Santo Padre é acusado de ditador. Que pena que a intolerância entre católicos e protestantes seja tão grande a ponto de distorcer fatos, é lamentável. Vejo que há no ar uma relação de amor e ódio, tipo marido e mulher que não sabem demonstrar seu amor sem um pouco de discussão. Por outro lado é muito interessante ver que há tanta gente preocupada com a Igreja, e gente que está fora dela. Acho que deveríamos deixar o amor falar mais forte. Sou carismático e não acho essa permissão uma ameça para a Igreja, mas antes, uma oportunidade para vivermos a unidade na diversidade. Cada católico tem o dever de adorar e honrar a DEUS e o direito de fazê-lo em sua espiritualidade própria. Não somos todos uniformes- assim como os protestantes- mas acho que todos merecem respeito. Pelo visto o autor da matéria conseguiu seu intento -semear a confusão- será ele cristão? Não parece. Deveríamos para de brigar por diferenças doutrinais, olhar menos o que nos divide e verdadeiramente abraçar o CRISTO que nos quer unidos. Deixemos de brigas e de tolices e façamos a vontade de DEUS! Um forte abraço e a Paz de JESUS a todos. Deus abençoe!


Marinho
2007-02-26 20:20:01

Até onde irá Bento XVI?

Os mais pobres e humildes, que sequer entendem o que é dito em português terão que assistir a missa em Latim???!!!! Bento 16 irá até o ponto onde estes humildes e pobres migrarão, todos, para seitas e outras igrejas. Irá exponencializar a perda de fiéis e aumentar o contingente de fanáticos e explorados por falsos pastores, que só tomam dinheiro do povo. Ai será o fim da igreja Dele, que veio ao mundo para os mais pobres e humildes, pois tenho certeza que Ele, se viesse ao mundo hoje, usaria a linguagem mais fácil de ser entendida pela grande massa, porém sem apelos "populistas" e fanatismo.


Geraldo
2007-02-26 20:14:53

Até onde irá Bento XVI?

Prezada Maria:

Um nome tão amado por Deus...Dizer que os protestantes farisaicos estão à frente é demais...Eles só citam Paulo e o Pentateuco. Retiraram livros da Bíblia por não conseguirem encaixá-los em suas leituras hereges e a senhora os chama de avançados?
Á questão não é restringir, é ampliar, Maria. Não se vai obrigar nenhuma comunidade a rezar em latim!!! O que vai acontecer é que aquelas de o desejarem poderão fazer...Isso é liberdade real.

A igreja é lúcida e, inspirada por Cristo, guia seu povo da melhor forma possível...

Não se assuste a Igreja de Cristo está nas mãos de Cristo.


Pedro Santos
2007-02-26 20:06:32

Até onde irá Bento XVI?

Tenho 52 anos e lembro-me de ter assistido algumas missas em latim quando ainda era muito menina. Achava as missas muito longas e na verdade não entendia quase nada! Era tudo muito enfadonho. É provável que hoje até achasse interessante! A única coisa que me desagradaria seria ser OBRIGADA a assistir a missa em latim, caso eu preferisse assistí-la em português. Sendo opcional, dando aos fiéis a oportunidade de escolha, não vejo porque tanta guerra em torno do assunto. O primordial para todos nós, integrantes de qualquer igreja, seja ela católica, protestante, espírita, budista ou de qualquer outra denominação, é que respeitemos a religião do outro. Há muita riqueza de valores em todas elas. Valores universais que não pertencem a nenhuma religião especificamente. Em todas elas, se procurarmos apenas por curiosidade, conhecê-las, encontraremos os mesmos valores ensinados por Cristo Jesus: - Amor, Justiça, Verdade, etc... Esses valores estão presentes em livros sagrados escritos há muito mais de 3 mil anos antes de Cristo e aos quais Êle, o nosso Cristo veio apenas ratificar, reafirmar. Quer compreendamos ou não, somos filhos do mesmo Deus, e essas discussões menores, apenas nos distanciam da nossa maior meta que é nos tornarmos verdadeiramente irmãos. Da Bíblia, um dos textos que mais me agradam é o "Sermão da Montanha". Da tradição hindu, é o "Bhagavad Gita". Ambos para mim são como manuais de vida! Eles nos direcionam para o Bem maior que é o Amor a Deus e ao próximo!
Paz para todos!
Site: até onde irá Bento XVI
Maria Dalvanira


Maria Dalvanira
2007-02-26 19:50:58

Até onde irá esta disputa de Egos entre irmãos!!!!

Amigos

Todo debate é sempre importante, mas radicalismo e insensatez em nome de Deus não. Amigos, será que Cristo ficaria feliz se acessasse este fórum agora e lesse os absurdos que estão sendo ditos em nome dele? Por favor, se a doutrina Cristã é o fundamento que unem católicos e evangélicos, a discussão que vem sendo travada neste fórum é tão absurdo quanto aceitar matar em nome de Deus, como vem acontecendo no Oriente Médio e em outras regiões do mundo. Não é a Biblia aberta na estante ou a com cheiro de suvaco que vai fazer de você um cristão melhor ou pior, mas sim o que nossas atitudes junto a sociedade. Porque não reverter o tema da discussão para uma abordagem propositiva, discutindo o que podemos fazer juntos para melhorar nossa sociedade, através de ações e exemplos de vida cristã, ao invés de ficarem nessa disputa ridícula de egos.
"Amar a Deus sobre todas as coisas e ao teu próximo como a ti mesmo", autor: Jesus de Nazaré (Lembrem-se disso)


Luiz Gesser (Cristão e Católico, com orgulho)
2007-02-26 19:49:19

Marketing religioso?

A religião não tem que utilizar de Marketing para atrair as pessoas. Ao desrespeitar os tradicionalistas (simplesmente porque as seitas protestantes são mais "legais"), estão desrespeitando a fé - que é a única coisa incontestável neste mundo.


Talita Santana
2007-02-26 19:27:07

Até onde irá Bento XVI?

O ecumenismo deve prevalecer,caso
contrário,poderá ocorrer uma forte
reação islâmica,indesejável no momento.
O que se quer no ecumenismo e no momento político atual,é que a religião
islâmica seja aceita como tal e não que se
torne cristã. Assim como Buda ,o líder do
Budismo existiu e deve ser aceito, também
Maomé, o líder do Islamismo existiu, e deve ser aceito.Nem o Budismo pode ser
negado e nem o Islamismo.
Dr.João Francisco Lobo Ribeiro
2007-26-2


Site: ECUMENISMO
Dr.João Francisco Lobo Ribeiro
2007-02-26 19:15:38

Até onde irá Bento XVI?

O nosso amigo Marlens deve ter lido muito pouco a Bíblia e a Catequese da Santa e Única Igreja:

(Êxodo 18,18)
Tu te esgotarás seguramente, assim como todo esse povo que está contigo, porque o fardo é pesado demais para ti, e não poderás levá-lo sozinho.

(Números 11,14)
Eu sozinho não posso suportar todo esse povo; ele é pesado demais para mim.

Não se faz nada sem A Igreja de Cristo, meu caro, representada pelo Papa.


Pedro Santos
2007-02-26 19:03:23

Até onde irá Bento XVI?

Lembrem-se catolicos, que nos dias do Apostolo Paulo, foi dito por ele mesmo, que o homem do pecado iria surgir e isso dentro da própria igreja primitiva e que iria mudar os tempos e a lei, ia fazer guerra com os santos do altissimo e ia prevalecer, quem fez isso? se é que podem responder,que o sabes, depois disso a igreja primitiva nunca mais foi a mesma. uma coisa é certa, igreja não é meramente templos suntuosos mas sim pessoas fieis que fazem a vontade de Deus e guardam a sua lei porque está escrita nos seus corações.parem de se gloriarem por acharem que essa igreja é a que foi estabelecida por Cristo, em parte podem até estarem certos mas digo até que surgissem realmente o homem do pecado que introduziu o paganismo, o pecado grosseiro na igreja, essa igreja Saiu dos propositos de Deus porque a sã doutrina tão defendida pelo Apostolo Paulo, Foi abandonada por essa igreja em troca de um montão de dogmas impostos obrigados para servir o homem ,não ao Deus unico Todo Poderoso, Criador do universo, aconselho todos a buscar o conhecimento que vem de Deus e não se apegarem em filosofias humanas.


Sam Brawn
2007-02-26 19:03:22

Responsabilidade dos que pregam o evangelho

Confesso que apenas li o texto por mera curiosidade. Em nada me interessa questões internas de igrejas.
Apenas fiquei bastante preocupado sobre um trecho postado por um comentarista:

"Esse trecho começa com o verbo Examinai e não leia e vc sabe pq? Pq examinar significa estudar, pesquisar e não abrir e ler....Por isso, a Santa Igreja Católica, por meio do Santo o Padre o Papa, Bento XVI, Doutor em Teologia ( qual sua formação, Eva? Dona de casa?) "

Também preocupou-me a citação sobre a inspiração pelo Espírito Santo.

Como diz o ditado popular: "se conselho fosse bom não se dava, se vendia". Entretanto, se não for importúnio, exponho o seguinte:

1. Primeiro, usando das mesmas sábias palavras, indico para EXAME o texto de Romanos, capítulo 1, a partir do versículo 18. Dá para se compreender muito bem sobre a responsabilidade que cai aos ombros daqueles que estão encarregados do evangelho. Qualquer que seja, católico ou protestante - a diferença será apenas no "efeito colateral" ou no fruto de seu trabalho. Analise-se essas questões em paralelo.

2. Jesus não veio aos sábios e entendidos, mas revelou seus mistérios aos pequeninos - podem até ser donas-de-casa. E Paulo, por sua vez, considerou seu conhecimento técnico como estrume - não sem valor, mas como instrumento para a germinação e crescimento da semente do Evangelho de Cristo, que é o principal.


Mateus
2007-02-26 19:01:23

Até onde irá Bento XVI?

Caros irmãos, creio que a discurssão não deve girar em torno de "qual seria melhor", mas do "O QUE PODEMOS FAZER DE MELHOR". Acredito na tolerância religiosa e no bom entendimento, pois o que é importante é a inclusão do ser humano em uma vida digna, cidadã. O movimento regilioso pode contribuir e muito com isso.

Ajudo ativamente em missas há mais de 13 anos e, sempre no intuito da inclusão, busco dar acolhimento ao irmão que precisa, àquele que vai até uma igreja todo confuso e desorientado da vida... A regra liturgica que vem sendo imposta pela igreja católica muitas vezes dificulta o trabalho, visto que ela preza que a missa é uma "celebração", portando deve seguir rituais determinados em leis e um monte de coisa que o pobre coitado, que busca a Deus batendo na porta da igreja, fique assustado e se sinta mais incapaz e infeliz.

Jesus veio foi para mostrar que o EXCESSO de leis impostas pelos fariseus prejudicava a chegada do homem à Deus. Vejo então neste momento a igreja cristã dividida em inúmeros ramos que ficam discutindo entre si para saber quem é o melhor, e esquecem de um sujeito que chegou dizendo: Amai à Deus sobre todas as coisas e ao próximo como a ti mesmo, isso basta! Então o que mais peço à Deus é que ilumine a cabeça de cada um que conduz sua igreja, seja católica, protestante, cristã ou não, que pense no bem da coletividade e não no seu próprio orgulho.

Infelizmente nosso papa está longe de pensar assim, paciência, o catolicismo poderia e muito contribuir colocando toda sua estrutura à disposição desta finalidade. O jeito é esquecer a igreja e trabalhar sozinho. É mais lento, porém mais eficaz do que a politicagem mesquinha nos nossos atuais fariseus.


Marlens
2007-02-26 18:52:53

Glória a Cristo! Viva São Pedro. Salve o Papa!

O Santo Padre o Papa está acima de qualquer opinião de troca letras protestantes ou de ateus histéricos. A nobre missão de Sua Santidade lhe foi dada por Jesus, por isso o Papa só deve satisfação ao mesmo Jesus!

Salve Maria!


Pedro Santos
2007-02-26 18:49:08

Até onde irá Bento XVI?

Ficar destilando ofensas, de quem está certo ou errado é perca de tempo, espaço que poderiamos estar escrevendo palavras agradáveis,que tal se aproveitassemos para dizer do amor que Deus tem por nós e com certaza não está feliz com tanta falta de amor,caridade,respeito uns pelos outros Católicos ou Protestantes somos filhos do mesmo Pai que nos ama iqualmente,pois o que nos leva a Deus é o amor,não quem lê mais ou menos a biblia,no entanto é importante que fassamos a leitura da palavra de Deus e que tenhamos um coração como o de criança, se o Papa está agindo de maneira errada,não posso julga-lo,vou deixar nas mãos de Deus que é o justo Juiz.SOU CATÓLICA, mas não servio a homens,tudo o quê faço é pro Senhor

Sonia - Londrina - Pr

QUE A PAZ DE DEUS ESTEJE COMTODOS VOÇES. DEUS É 10



2007-02-26 18:43:24

Até onde irá Bento XVI?

Bem, Bento XVI irá.....irá visitar dois circos. Um em Aparecida e outro em Brasília.


Caçador de Vampiros
2007-02-26 18:30:03

Até onde irá Bento XVI?

Vejo que tudo isso virou um verdadeiro ringue,onde cada um da seu golpe fatal no seu semelhante para defender sua posição (ideia). Mas todos se esquecem de uma coisa e por isso tenho compaixão de todos.
"Amai-vos uns aos outros como vos tenho amado"
Quem em sã conciencia hoje daria sua vida para salvar a um so irmão?
Não adianta doutorado em Teologia ou qualquer outro item profano.
Se vc não se tornar como uma "criancinha" não entrarás no reino do Ceu.
Chega de brigas e de defender sua idéia...
Pratique ao menos uma só vez a caridade e deixe que o Espirito Santo guie nosso Papa
BentoXVI.
O AMOR PODE TE SALVAR! DEUS É AMOR!


Domingos
2007-02-26 18:21:28

Até onde irá Bento XVI?

Democracia é isto, se vai reviver a missa em latim ou rezar de costa ou de frente não vejo problema nenhum. Deste que respeite os outros grupos catolicos,pois a pesar do vaticano a Igreja Católica não passa da formação de vários grupos ao seu redor eu mesmo gosto da RCC (Renovação Carismática Católica). Fiquem com deus.


Espirito Santo
2007-02-26 18:18:03

Até onde irá Bento XVI?

Em pleno século XXI, o homem de uma maneira geral, seja ele de qualquer país ou crença, ainda não acordou para o verdadeiro sentido da vida. Será que ainda pensam que palavras, idiomas, rituais, etc irão levá-los a algum lugar? Onde querem chegar? Acordem!!! O lugar é qualquer um, a hora é essa, já está passando... Viva com os outros, pelos outros e para os outros. Faça algo, aqui e agora, algo de bom, de útil. O tempo passa, vidas são desperdiçadas, enquanto muitos precisam de nós.


Isabela
2007-02-26 18:17:53

Até onde irá Bento XVI?

Li o artigo e também grande parte dos comentários inseridos, e respeito
democraticamente todas as opiniões apresentadas. Observo, entretanto, que o autor do artigo abordou as atitudes de Bento XVI, destacando seu conservadorismo e sua tentativa de dar uma guinada para trás no avanço que a Igreja teve a partir do Concílio Vaticano II. Os comentários deveriam estar girando em torno da essência deste artigo, porém para minha surpresa, houve total desvirtuamento da questão; polêmicas improcedentes sobre catolicismo x protestantismo, escárnios, gozações, nada a ver. Lamentável para um assunto tão sério! Nós, católicos estamos vivendo momentos delicados e é com tristeza, que vislumbro uma grande ameaça a tudo o que foi conquistado pelos fiéis ao longo das últimas décadas, a atuação enorme da Igreja no campo social, imprescindível nesse nosso país injustiçado e mergulhado em impunidade e corrupção. A volta à missa em latim, um descaso para com os fiéis, é absurda nos dias de hoje; temos que nos manter engajados,leigos e clero, para juntos chegarmos até nosso semelhante e ajudá-lo com educação, emprego, interferindo junto aos órgãos públicos para promover o ser humano. Só assim iremos diminuir a criminalidade, dando condições mínimas de dignidade às pessoas. A Igreja progressista não tem como ser interrompida, ou a evasão dos cristãos para outras religiões será cada vez maior e inevitável. Cristo apanhou o chicote e expulsou os vendedores do templo. Sua ira santa nos serviu de exemplo para mostrar que fé sem ação é estática, inóqua. A fé tem que ser dinâmica, em direção ao outro na fraternidade, no amor. A volta ao conservadorismo irá lançar as nossas gerações no obscurantismo, na ausência de conhecimento do verdadeiro Cristo, restringindo os futuros cristãos a viverem uma religião somente de ritos e orações e apresentando um Deus distante que não exige nada. Essas gerações ficarão descomprometidas, bem adequadas às alas acomodadas do clero que não querem comprometimento nem questionamentos.


Jorebri
2007-02-26 18:17:29

Sobre o texto e para JLage

Prezado comentarista.
Que legal sua crítica contra igrejas evangélicas. Legal, mas tôla.
Existem muitas teorias, certezas e confusões na questão da "única, santa, imaculada igreja católica criada e deixada por Deus", uma delas é a própria questão da doutrina única e irrevogável, pois, analise prezado; se a sua base de fé é a bíblia, por ser cristão imagino que seja; porque a "santa madre igreja católica" fere quase todos os princípios deixados por Cristo?
Ahah! Tem muito de loucura nessa sua declaração.
Quando vc diz que as igrejas "em cada esquina tem uma" é uma forma de ganhar dinheiro fácil" o que vc me diria da igreja católica que deve ser hj umas das TRÊS MAIS RICAS INSTITUIÇÕES DO MUNDO? Seria ela probrezinha e seguidora do desapego material pregado por Cristo? AAHAh!
Tem mais, sua fala de seguir incondicionalmente a um grupo de pessoas que de tempos em tempos muda toda a estrutura e até modos de crer em Deus de um povo já condicionado, demonstra claramente a cegueira de uma religião que se diz a correta, mas é extremamente incoerente com as escrituras que diz: "...o meu povo perece por não conhecer as escrituras e nem o poder de Deus..." ou "...conhecei as escrituras porque achai ter nelas a vida eterna (reino de Deus)...".
Ou seja PREZADO (A) JLAGE, vão aí duas passagens bíblicas ou teológicas como queira tratar, sobre as atitudes dos dirigentes católicos.
Tive criação católica, vivi muito tempo enganado, tenho conhecimento da "fé católica" sim e isso me dá então argumentos para falar contra essa instituição.
Não se enganem os indecisos, ter comprometimento com Cristo e coração aberto à Deus, muitas vezes nos levarão a questionar descisões como estas de Bento XVI que servirão para agradar uma parte de uma massa falida e afastará gente humilde e de coração puro dos propósitos de Deus.
Pensem bem nisso, sejam inteligentes e analisem sobre essa pergunta: -O que vc faria por Deus e amor a Cristo, deixaria sua religião se estivesse fora dos preceitos bíblicos?

Cristo não ém nunca foi e nunca será simplismente religião.......Cristo é modo de vida.

"...a igreja católica foi a primeira igreja que Deus deixou, porque você não a deixa também?" (Guina ex-racionais e marginal, hj pregador do evangelho de Cristo)


PCM
2007-02-26 18:11:41

Até onde irá Bento XVI?

Olha, até onde ou aonde vai Bento XVI, eu não sei. Mas que ele está sabendo de alguma coisa, isso está! Por via das dúvidas, vou fazer um curso de latim, só pra garantir. Vai que minhas preces em português não serão ouvidas!


Valdir-Londrina/PR
2007-02-26 18:06:10

Até onde irá Bento XVI?

ACABEI DE LER VÁRIOS COMENTÁRIOS.QUE TRISTEZA.QUANTA HIPROCRISIA, NECESSIDADE DE SE ACHAR MELHOR QUE O OUTRO, QUE A RELIGIÃO DO OUTRO.QUANTA FALTA DE VERDADEIRA CRENÇA E FÉ.ENQUANTO OS HOMENS SE DIVIDEM EM RELIGIÕES(SERÁ QUE TEM MAIS DE UM DEUS?),OUTROS SE PERDEM DA FÉ E SE TORNAM BANDIDOS(VIDE POLÍTICOS, CONTRABANDISTAS, E OUTROS).PENSEMOS AMIGOS,É MUITO FÁCIL PARA QUALQUER PESSOA NORMAL, DISTINGUIR O CERTO DO ERRADO, E COM ISSO RESPEITAR O PRÓXIMO E A SI MESMO.
UM ABRAÇO A TODOS.


CESAR
2007-02-26 17:45:50

Até onde irá Bento XVI?

É UMA TRISTEZA MUITO GRANDE VER TANTO AGITO E TANTA OFENSA POR ALGO TAO BANAL.
A MISSA EM LATIM - COMO OPCAO - SO VEM A ACRESCENTAR A MISTICA DA IGREJA. DEBATER SOBRE O MODO "MAIS CORRETO" TAMBEM E BOBAGEM, POIS TODOS OS RITOS SAO CRIACOES HUMANAS. O RITO DA IGREJA PRIMITIVA ERA SIM EM LINGUA VERNACULA, MAS TAMBEM ERA MUITO DIFERENTE DO ATUAL(VER DIDAQUE).
"AS INSTITUICOES HUMANAS SAO PARA O HOMEM, E NAO O HOMEM PARA ELAS".
BUSQUEMOS TODOS VIVER MAIS O AMOR, POIS RITOS, DOUTRINAS E IGREJAS SAO TRANSITORIOS, MAS O AMOR PERMANECE (cf. I Cor 13)
DEUS ABENCOE A TODOS.


MARCELO SANTIAGO
2007-02-26 17:45:44

Até onde irá Bento XVI?

Até onde ele achar conveniente!

Para quem fez parte do grupo de "Inquisidores" que depois mudou de nome. Convenhamos, ainda teremos muita água para passar debaixo dessa ponte. "Poder" será sempre poder até dentro da Igreja Católica que aos poucos vem perdendo fiéis por tantas maluquices que nem deveriam ser colocadas em discussão ou em prática. Mas como nada é perfeito, a única coisa é ter paciência, tolerância e fé em Deus por que nos homens (mulheres, homens, papa e todo o clero) está ficando complicado! Mas o importante é sabermos fazer bem a nossa parte dentro da lei maior de Cristo que é Amar o próximo e aos nossos inimigos e respeitar o próximo como a nós mesmos. Mas isso não impede de darmos opiniões.



2007-02-26 17:44:40

Até onde irá Bento XVI?

Nasci em 1980, durante minha vida fiquei privado de conhecer a pompa, a sacralidade e a beleza da missa de sempre. Tive de me contentar com os abusos de showmissas e coisas do gênero. Espero que tal restauração seja acatada pelos bispos permitindo a celebração da missa tridentina, sem perseguição aos padres e fiéis que a quiserem adotar. Lembro da perseguição que um padre de minha cidade sofreu de seu bispo quando passou a celebrar a missa tradicional uma vez por semana. Ele foi aposentado e desde então ninguém mais se atreveu em falar em missa tradicional.


Henrique
2007-02-26 17:43:29

Até onde irá Bento XVI?

A base da espiritualidade cristã é simplesmente este Jesus de Nazaré como o Messias, o Cristo. E quem é cristão? Não aquele que cultua um “fundamentalismo” (de cunho protestante, católico-romano ou oriental-ortodoxo), porém quem tenta em seu caminho de vida pessoal (e cada cristão, cada cristã tem seu próprio caminho), quem se esforça (e mais não é solicitado), orientar-se praticamente por este Jesus Cristo. Esta autêntica espiritualidade cristã nunca se tornou tão nítida para mim como naquela igreja de San Salvador, onde o arcebispo Oscar Romero, engajado defensor dos direitos de seu povo, foi baleado diretamente a partir de um automóvel, e onde eu simultaneamente penso no evangélico lutador pela resistência Dietrich Bonhoeffer, no americano defensor dos direitos humanos Martin Luther King. Todos eles mostraram que tal espiritualidade pode ser mantida até mesmo em direção à morte violenta.
Mas, na atual sociedade da técnica e da ciência muitas pessoas não têm problemas com a dogmática cristã? Para que criar problemas com a liturgia?
O mais urgente e libertador para nossa espiritualidade cristã é não nos orientarmos tanto, seja teórica ou praticamente, pelas tradicionais formulações e regulamentações dogmáticas tradicionais, porém novamente mais pela específica figura que deu o nome ao cristianismo. Ela certamente só pode ser reconhecida através das “antipáticas sepulturas da história” (Lessing), mas também pode sempre ser novamente vista num novo contexto. Parâmetro para esta orientação não deve, todavia, ser um Cristo Rei,sonhado, porém unicamente o verdadeiro Jesus histórico, que certamente podemos reconhecer, de maneira crítica, através do Novo Testamento. Mesmo teólogos tagarelam, por vezes, irrefletidamente sobre a “legendariedade” dos evangelhos, e leigos tomam apresentações romanceadas, como o Código da Vinci, por relatos históricos. Sobre muitos detalhes das fontes neotestamentárias elaboradas em seu todo por pessoas humanas pode-se certamente discutir. Sem dúvida a pessoa histórica não nos é diretamente disponível, mas os evangelhos nos permitem certamente reconhecer a figura humana concreta de Jesus em seu perfil e em sua histórica inconfundibilidade. Sobre isto todos os exegetas críticos sérios são concordes.
Trata-se, no dia a dia, tendo em vista o reino de Deus, de procurar viver segundo a vontade divina e de manter o olhar para o bem do próximo que precisamente nos necessita: não querer dominá-lo, porém tentar servi-lo tanto quanto realmente pudermos. Praticar o bem e perdoar. Não apenas a observância dos elementares deveres da humanidade, não matar, mentir, roubar, nem abusar da sexualidade, e tampouco ficar tagarelando sobre o ritual da missa. Porém, para o que nos convida o Sermão da Montanha, em vez de apenas andar “a milha” obrigatória e, segundo o caso, as “duas milhas”: não como lei universal, porém de caso a caso como engajamento despretensioso pelo próximo, num amor criativo, não exigido por nenhuma lei, que também respeita o adversário e não liquida o inimigo. E uma adoração a Deus que não se preocupa com "frescuras", mas que procura orar em "espírito e verdade".
Uma espiritualidade satisfatória, libertadora, da não-violência, da misericórdia e da paz, sem medidas reacionárias na questão de culto. Uma espiritualidade da alegria. Uma espiritualidade que não deposite nos ombros das pessoas fardos morais que elas não podem carregar, que precisamente prometa seu alívio, pois por si sós já são “sofridos e onerados”. Uma espiritualidade que congregue e não separe. Algo que seja compreensível e razoável - logo em uma língua e com costumes próprios de sua cultura, ambiente. Se quisermos ser conservadores, não deveriamos pegar o rito de São Pio V (séc. XVI) ou em latim (introduzido no séc. III como língua litúrgica - foram os ’progressistas’ que adotaram o latim como língua litúrgica em Roma, para serem compreendidos pelo povo de Roma) e sim em aramaico. Só um detalhe: já nos tempos na época de São Paulo, ninguém fora da Síro-Palestina falava aramaico, por isso já naquele tempo se adotou o grego, a língua do Império romano. Seriam os autores do Novo Testamento herejes por terem escrito em grego? A Igreja de Roma, por adotar a liturgia em vernáculo (o latim era vernáculo) caiu em heresia? E são Pio V, por que criou um novo rito? Não teria sido por razões pastorais?
Fortalece-nos – e por vezes também nos consola – saber que mesmo aquele ao qual apelamos, Jesus, com base em sua mensagem e práxis entrou em confrontação – com o establishment religioso-político de seu tempo. Foi demasiado radical sua crítica à religiosidade tradicional e ao exercício do poder dos governantes, ao culto tradicionalista que oprimia, ao comércio no templo. Demasiado liberal seu trato com a lei religiosa, com o Sábado, com as prescrições de purificação e alimentação e o culto. Demasiado escandalosa sua solidarização com pobres, miseráveis, “pobres diabos”; ele não se compadece do Sumo-sacerdote, mas do povo. Demasiada indulgência mostra ele, para irritação dos devotos, com transgressores da lei, com “pecadores”. Ele não anuncia uma nova lei, porém o amor como cumprimento da lei. A chance para o caso individual: perdoar, mesmo onde o outro não o merece. Renúncia que ultrapassa mesmo a pura justiça. Um serviço que não se atém simplesmente à ordem hierárquica. Nessa direção miram os ditos e parábolas de Jesus e mesmo sua práxis exemplar que, corretamente entendida, não sobre-carrega o ser humano, porém sempre de novo o desafia.
Feita essas observações, poderá sim o bispo de Roma, Sua Santidade Bento XVI, reabilitar a Sociedade Pio X, e para a alegrtia das viúvas de Pio XII, a missa tridentina. Mas o mesmo direito que esses meus irmãos católicos tem de defender um visão integralista e de criticarem o demasiado progresso do Concílio Vaticano II e o dito "modernismo", eu, como bom católico católico, quero ter de não aceitar o outro Concílio Vaticano, o Vaticano I, de poder criticar esse neo-barroco contra-reformista, defender o ecumenismo e o pluralismo religioso.
OBS.: Se a Sociedade São Pio X pode ter o seu rito próprio, por que a África, a Índia ou as Américas não pode ter um rito próprio, diferente do romano?


Mateus Domingues da Silva
2007-02-26 17:41:59

Voltar aos trilhos

Se a Igreja precisa ser novamente primitiva para caminhar como Deus mandou desde o inicio, então que seja, que reformule, que volte aos rituais antigos; porque a palavra de Deus é e será a mesma pelo seculos dos seculos... estes modernismos disfarçados como Igreja nova, moderna, preparada não fazem mais que se afastar do que Deus marcou pelo Filho e administrou pelo Espírito Santo. Qual a parte mais importante da missa? O Cristo eucarístico e presente, que esta presente no santíssimo, no tabernaculo do sacrario... sim mas então por as Igrejas modernas colocaram o sacrario a um lado do altar e nao no meio como antes? acaso o cura é mais importante do que o sacrificio eucaristico? por que se comulga na mão? quem tem o unico direito de tocar a Ostia com a mão? o cura e o diacono...mas agora todos põem a mão... isto é parte de modernismos que se afasta do caminho ditado por Deus.
Então quando se entende da influencia do Espíritu Santo na Igreja, não se pode dizer tão levianamente que o Papa ama as pompas tradicionalistas, porque señao não se esta entendendo o principal.


La Misión
2007-02-26 17:28:37

Até onde irá Bento XVI?

Tendo em vista os problemas que o planeta enfrenta na contemporaneidade, a Igreja de Roma deveria assumir um papel de protagonista no enfrentamento da violência, no combate à fome e a miséria e mesmo em questões de meio ambiente, que é um problema planetário. O Papa Bento XVI sabendo da influência que a Igreja Católica exerce em boa parte do mundo, poderia, através de seus interlocutores, como os párocos, propagar grandes transformações. Uma igreja menos política e voltada para questões de interesse global, deve estar na pauta dos seus líderes. O embate não deve ser político ou religioso,mas de responsabilidade social.


Renato Lima de Oliveira
2007-02-26 16:43:30

Até onde irá Bento XVI?

nossa igreja nossa fé sou catolico e iremos vencer essa batalha junto com deus nosso criador!! e com o apoio de gente de bem como vc!! waldeir!!!


deir
2007-02-26 16:26:17

Até onde irá Bento XVI?

Lembrem-se catolicos que nos dias do Apostolo Paulo foi dito por ele mesmo, que o homem do pecado ia surgir e isso dentro da própria igreja primitiva e que iria mudar os tempos e a lei ia fazer guerra com os santos do altissimo e ia prevalecer quem fez isso? se é que podem responder, depois disso a igreja primitiva nunca mais foi a mesma. uma coisa é certo igreja não é meramente templos suntuosos mas sim pessoas fieis que fazem a vontade de Deus e guardam a sua lei porque está escrita nos seus corações.parem de se gloriarem porque essa igreja caiu dos propositos de Deus


Sam Brawn
2007-02-26 16:14:08

Até onde irá Bento XVI?

Deus criou o Universo, fez a terra, fez as plantas e fez os animais...tudo muito bom, perfeito mesmo! Deixou para fazer por último o ser mais importante da terra:o homem! Um animal pensante, que raciocína, muuuito inteligente. Veja só que produto; discute por pouco, briga por menos ainda e se mata por nada!


Valdir
2007-02-26 16:12:10

Glória a Cristo! Viva São Pedro. Salve o Papa!

Prezada anônima:
Todos que estão participando estão deixando valiosos testemunhos de fé em cada uma das religiões aqui defendidas. Quem tem fé ama e todos defendem aquilo que amam. Nenhum preconceito foi inoculado aqui. Quem parece envergonhar as mulheres, istó é se a senhora for mulher, é a senhora. Seus erros de concordância, coerência e seqüência lógica das idéias são assustadores e envergonham muitas mulheres maravilhosas como Cecília Meireles, Kolody, Nélida Piñon e tantas intelectuais.
Por fim, peço que reze muito mesmo, por que pelo seu ecumenismo exacerbado a senhora parece não ter religião

(Eclesiástico 1,18)
Essa religião guarda e santifica o coração; ela lhe traz satisfação e alegria.


Pedro Santos
2007-02-26 15:55:00

Até onde irá Bento XVI?

Depois de todas as considerações fiquei mais confuso que antes...


Ernani Fonseca
2007-02-26 15:54:27

Até onde irá Bento XVI?

Me causa arrepios a demonstração de odio intolerancia arrogancia preconceito com relação as mulheres, de tantos que deveriam ter deixado suas opinioes e que so deixaram registros de raiva uns com ou outros!!!!! e o pior e que todos tem fe convicta que sao bons filhos de Deus???!!! Antes de qq coisa façam uma critica de voces mesmos vejam e enxerguem como sao pequenos e corrompidos, se tem que ter a palavra de Deus penso que deveria ser seguida independentemente de qq nomenclatura, e acho que seria TER BONDADE HUMILDADE SER CORRETO SE HOUVER POSSIBILIDADE AJUDAR AQUELE QUE PRECISA( NAO DAR ESMOLAS - DAR DIGNIDADE) isso nao tem nada haver com papas, bispos, santos, tapetes vermelhos, latim qq outro idioma,ser ou nao conservador, - isso tem haver com o que cada um tem dentro de si !!! e o que foi apresentado aqui foi HORRIVEL!!! UM CONSELHO PRA QUEM É DE REZA QUE REZEM!!! PRA QUEM E DE ORAÇÃO QUE OREM PQ VOCES PRECISAM MUITO...



2007-02-26 15:44:47

Até onde irá Bento XVI?

O que mais me intriga é esse interesse quase que obssessivos de alguns irmãos protestantes e uns outros tantos denominados católicos liberais ou modernos com a história da Igreja.

Será que se algumas igrejas protestantes tivessem uma história lhes interessaria qualquer liberação de língua de culto que se processa dentro da Igreja?

O que será que causa tanto interesse neles?

Se eles realmente consideram a Igreja a grande babilônia ou a prostituta do apocalipse, que existe atualmente para desvirtuar o evangelho que eles tanto compreender (evengelho que a Igreja guardou e traduziu para agora ser usado contra ela)ela tem sua função profética. ainda que ache algo diferente.

Aparentemente as igrejas das quais eles fazem parte não conseguem de forma alguma preencher o vazio espiritual que eles deixam latentes com essas críticas. se assim não o fosse que lhes interessaria ficar de olho o tempo inteiro para esperarem a chance de criticar qualquer coisa da Igreja, ainda que seja de relevãncia totalmente interna como essa?

Quanto aos ateus e críticos contumazes da Igreja deixo um desafio: a sabedoria de vocês não permite também que consigam paz na vida a não ser voltando-se contra a Igreja e suas práticas? Para uma instituição "falida" e com "valores ultrapassados" de 2000 anos atrás ela parece atrair muita atenção até de quem não faz parte dela.

Vou explicar direito pois parece que a cabeça de vocês não consegue acompanhar processos grandiosos como os que invaqriavelmente ocorrem dentro da História.

Uma vez foi proibido o uso de saias abaixo dos joelhos para as funcionárias de uma padaria. mesmo com a polêmica as que preferiram ficar no emprego aceitaram, as que acharam suas liberdades atingidas pediram demissão. porém nada afetou o supermercado vizinho ao lado. Por quê? nenhum dos funcionários de lá trabalhava na padaria.

é mais ou menos assim: se você tem outra religião ou simplesmente não acredita na Igreja católica ou suas práticas permita que os católicos resolvam seus problemas doutrinais. (sugestão).

tenho absoluta certeza de que nada vai mudar na vida de vocês se isso ocorrer.

deixem a Igreja caminhar com seus pés como ela vem fazendo a tanto tempo e concentrem-se nas atividaes de voc es sejam elas pastorais ou não. lembrem que a Igrja não se inventou ela não é fruto de deliberação humana. ela faz a parte dela. façam a de vocês onde estiverem.

Podem ter certeza de uma coisa: pelo que li acima a Igreja já recebeu críticas muito mais justas e criativas que as acima.

só uma frase me veio a cabeça depois de ler todas, talvez algum de vocês conheça, desculpe se sou católico e ignorante e ing enuo e bobinho e incapaz de não lembrar onde está a citação, aliás são duas mais ou menos assim "...quem não é contra nós é por nós." (Jesus Cristo)e a outra é "...as pot encias do inferno não prevalecerão contra Ela." (IDEM)


Carlos Leôncio Silva de Sousa
2007-02-26 15:25:34

Até onde irá Bento XVI?

Caro autor,

Fico perplexo ao vislumbrar tal atitude adotada pelo Lider Espiritual da Igreja Romana.

Essa falta de respeito com os fieis, retrocedendo no tempo, é algo de inaceitavel, pois quando manusiamos a Palavra de Deus, percebo que ela (a palavra) é atual renovando-se a cada dia.
Então atos que sucitam mortos, isso é de deveras inaceitavel.
E em resposta a sua pergunta, onde ela vai parar, não posso responder seguramente, mais fica evidente que o homem em questão não passa de um ditador maqueado.

Robson



2007-02-26 15:22:10

Até onde irá Bento XVI?

Mas como diria Jorge Bem
.
Pra acabar com a malandragem tem de prender todos os otários !


Juca
2007-02-26 15:07:41

Até onde irá Bento XVI?

Seres humanos da terra, não se assustem isso deve acontecer mesmo, está escrito,sabem sobre o ecumenismo, é a construção de pontes de unão, claro, uma só fé um só batismo um só senhor, contudo não estão preocupados em obedecer os mandamentos de Deus procuram atender os preceitos dos homens e esquecem que a lei de Deus é a base do juízo universal, inclusive o sabado faz parte dessa lei , certo,no fim da historia ficará apenas os filhos de Deus os que guardam os mandamentos de Deus e tem o testemunho de Jesus, é necessário que a ICAR retroceda pois a igreja ecumenica ficar sob seu comando e todo o seu poder será aplicado para perseguir o remanescente de Deus e eliminar,pois eles não se unirão aos caprichos humanos mas estará plenamente submissos a vontade do unico Deus,só tem um detalhe a biblia diz que nem um fio de cabelo cairá deles, pois os anjos de Deus estam com eles não sei em qual igreja eles estão, só sei que eles existem e Deus vela pelo seu povo. nada de trindade pois é ídolo filosófico, não creio em religiões pois a verdadeira religião e cristo na vida do homem através de seu santo espiríto e o principio do conhecimento acerca de Deus está em sua palavra tão só e exclusivamente, estou bem sintonizado na historia deste mundo, prezo muito as profecias mais ainda no seu cumprimento e isso muito me alegra pois Cristo está voltando e quero subir com Ele o Resto e resto.



2007-02-26 14:59:46

Até onde irá Bento XVI?

o que acontece é o que estar por tr’paz desta discursão, não é apenas um retorno a missa em latim, existe outros interresses q


silva
2007-02-26 14:57:18

Até onde irá Bento XVI?

Meu Deus,
quanta mesquinharia!!!
Será que a nossa fé tem que passar por mais esta tentação???
Por vezes chego a pensar que Deus não existe e que tudo não passa de meros interesses de poder e de imposição de ideias...
Que Ele nos livre de mais esta tentação.
Pai,afaste de mim este maligno pensamento!
Não permita que todas estas disputas me afastem de Vos.
Sejamos mais animais racionais e saibamos derender mais a nossa especie,como o fazem as outras(especies),e não nos matemos uns aos outros como vem acomtecendo a cada segundo dentro de nos!
Se rezamos em latim ou em qualquer outra linguagem pouco importa!
Oque realmente importa é que o fassamos com sinseridade e verdade!
Amor no coração não tem mais quem resa em latim ou em russo,e sim quem quer ter a Cristo como companheiro de caminhada.
Deixa ele te guiar assim como estará guiando os passos de nosso Papa BentoXVI.
Amado seja por toda a terra o Saguado Coração de Jesus.


Domingos
2007-02-26 14:48:28

Até onde irá Bento XVI?

Josef Ratzinger antigo membro da Juventude Hitlerista do partido nazista de Adolf Hitler, infelizmente certamente irá muito longe nesta sua impostura como líder dos católicos romanistas. Ele que agora se denomina Bento XVI, se aproveita do fato de que a maioria das pessoas não conhece e nem estuda as Escrituras para se colocar como falso representante de Cristo na Terra. Tente procurar na Bíblia a instituição papal. Jamais encontrará. As Escrituras não fazem nenhuma menção a Pedro ser um Papa, nem mencionam nenhuma sucessão de liderança na igreja, além dos anciãos.Papa não existe na Bíblia. Cristo estabeleceu a sua igreja, sendo ele o chefe e cabeça e encarregando os seus apóstolos de pregarem o Evangelho.. No conceito do cristianismo primitivo, não há a idéia de um papa infalível, santíssimo, senhor de um reino, chefe de um estado, soberano da igreja de Deus.Nas discussões entre os apóstolos sobre quem entre eles seria o maior (Lucas 9. 46-48; Lucas 22.24-30), Jesus não resolveu a questão apontando para Pedro.Os apóstolos, ignorando qualquer idéia de soberania por parte de Pedro, enviaram-no a Samaria, juntamente com João na missão de evangelização (Atos 8.14).Pedro, demonstrando desconhecer qualquer posição de chefe da igreja, teve que dar uma série de explicações para convencer os irmãos (Atos 11. 4-18).No grande concílio de Jerusalém, onde a grande discussão a respeito da circuncisão foi o assunto, a palavra final e decisiva não foi de Pedro, mas de Tiago (Atos 15.13...).O apóstolo Paulo, falando de seu apostolado, diz: “Mas faço-vos saber, irmãos, que o evangelho que por mim foi anunciado não é segundo os homens. Porque não o recebi, nem aprendi de homem algum, mas pela revelação de Jesus Cristo.” (Gálatas 1.11-12).Mais uma vez, desconhecendo o poder jurisdicional de Pedro, Paulo não hesitou em repreendê-lo na frente de todos: “E, chegando Pedro à Antioquia, lhe resisti na cara, porque era repreensível.” (Gálatas 2.11) E Pedro, como bom servo de Cristo, recebeu com humildade a repreensão de seu colega sem reivindicar qualquer posição de chefe da igreja (Gálatas 2.12-14).A igreja de Antioquia aceitou o episódio como coisa natural, não levantando sua voz contra Paulo em defesa do suposto "papa" que havia sido repreendido. Em seus escritos, Paulo e o próprio Pedro, sustentam que Jesus Cristo é a pedra angular da igreja, o seu fundamento, a rocha inabalável. Em Jesus, a Rocha dos Séculos, firmamo-nos na esperança da glória eterna (Efésios 2.19-22; 1Pedro 2.4-10).


Site: Até onde irá Bento XVI?
Antonio de Paula Rocha Lima
2007-02-26 14:37:41

Viva o Papa!

Sua Santidade, Bento XVI, num espírito conciliador, quer dar vez e voz àqueles que possuem uma visão distinta desse protestantismo que invadiu o seio da Santa Madre Igreja Católica Apostólica Romana. Como disse o finado papa Paulo VI, a fumaça de Satanás adentrou a Igreja; passa da hora de abrirem as janelas e deixar a luz do céu e os ventos do Espírito Santo varrerem para fora essas "inovações" que resultaram em padre dançando no altar...Curiosamente, aquele padre baiano que se vestia com vestes rituais do candomblé é fruto dessa "renovação". Católicos, com o Papa!!!


O Coração de Jesus vencerá!!!
2007-02-26 14:14:40

CADÊ A UNIDADE DA IGREJA CATÓLICA

Sinceramente quando foi que vcs católicos acharam que poderiam fazer o que quisessem?

Todos que verdadeiramente, eu disse verdadeiramente leêm a Bíblia... não tem condição de aceitar o catolicismo falta verdade nele e esse papa veio só mostrar o que todo mundo já sabia... Seu antecessor foi melhor pq era antes de qualquer coisa político... Era mais fácil aceitar e conviver com quem respeita as diferenças pq a humanidade não é toda igual PENSEM quantos tem o privilégio de ler na Internet? Somos privilegiádos...


Ciça bh
2007-02-26 14:01:32

Até onde irá Bento XVI?

ESTE PAPA VEM AO BRASIL,PORQUE ELE ESTÁ VENDO COMO OS CATOLICOS ESTÃO ABANDONANDO ESTA INSTITUIÇAO......GRAÇAS A DEUS O VERDADEIRO EVANGELHO ESTÁ SENDO PREGADO ISTO NÃO PELAS MUITAS SEITAS Q ESTÃO APARECENDO Q TBEM SERVE PARA ENGANAR O POVÃO.....MAS OS Q PREGAM SEM INTERESSE PRÓPRIO......FREI GALVAO? LEIA OS SALMOS 115 Q ALIAS ELE NÃO LE PARA OS SEUS FIEIS.



2007-02-26 14:00:13

Até onde irá Bento XVI?

Ainda bem que qeum dirige a Igreja são homens da estatura humana e espiritual de Bento XVI e não os auto-declarados teólogos que não sabem nem os dez mandamentos. O Papa vai continuar levando a Igreja para os caminhos que Deus quer. Caminhos que prescindem da interpretação parcial com muita visão humana de uns e outros porque é iluminado pela visão total e perfeita de Deus.


Site: Até onde irá Bento XVI? Até onde Deus quiser!
Telma
2007-02-26 14:00:00

Até onde irá Bento XVI?

Até onde o Espirito Santo Santo, permitir
tenho certeza que isso não afetará a fé dos católicos que conhecem,verdadeiramente Biblia,Magistério e a Tradição da Igreja,se não fosse instiuida por jesus não estava atuante,discordo que católicos não lêm a Biblia,devem existir sim como muitos protestantes que só sabem 4 ou 5 versículos biblicos.
Sonia



2007-02-26 13:58:01

Glória a Cristo! Viva São Pedro. Salve o Papa!

Caro Liciano e demais protestantes, vamos lá:

Como a verdadeira igreja cristã seria Romana, se foi Roma que crucificou Cristo.

Roma Crucificou Cristo? RSRSRS Uma cidade não pode crucificar...Quem crucificou Cristo foram os soldados romanos. Pedro morreu em Roma, tembém crucificado de cabeça para baixo, por defender a igreja que Cristo confiou a ele e ele a Lino e lino.....Bento XVI.

Além disso a pedra a que Cristo referiu ele Ele mesmo (Cristo) e não Pedro.

Qual pastorzinho de qual igrejola fez essa leitura? Lembre-se de que Pedro se chamava Simão. Foi Cristo quem o chamou de Pedro (pedra) e por quê? Para causar confusão sobre quem seria a pedra??Por favor, Jesus não confunde, não engana. Quem engana são os pastorezinhos, Lutero e o pai da mentira que todos sabem quem é...

Quanto à história da Igreja Romana, os milhões de assassinados durante os 1700 anos de existência da Igreja poderão clamar aos céus o julgamento de tais atos, que foram contrários ao que Cristo pregou, o amor. Cada um dará conta de si mesmo, pois a alma que pecar, morrerá.

Quanto a isso, bem, primeiro, são 1973 anos da Igreja de Cristo, depois que vc deve ler: História das Inquisições (Ed. Companhia das Letras),de HÉLIO DANIEL CORDEIRO." Depois conversaremos.

Devemos estudar a Bíblia e nos convertermos a Cristo, como nosso Salvador, pois há um só intercessor ante Deus, que é Cristo. Homem nenhum ou qualquer doutrina vai fazer a diferença, pois somente a palavra (Bíblia) pode nos dar entendimento, através do Espírito

Quer maior autoridade para ler a palavra que um Doutor em Teologia? Eles podem realmente serem guiados por algum espítito, mas não o Santo. Esse foi dado aos apóstolos e estes o deram a seus seguidores e assim por diante até Bento XVI e todo o povo CATÓLICO.

Esperando tê-lo iluminado.

Pedro Santos


Pedro Santos
2007-02-26 13:46:34

Até onde irá Bento XVI?

Que o Santo Papa continue sua caminhada por muitos anos pelo bem da Santa Igreja Católica. Afirmo que seu ato de abrir a Igreja para a Liturgia Tradicional em Latin é um sinal de Liberdade e Respeito a todas as correntes da igreja.
Ao contrário do que prega parte da mídia e alguns setores da sociedade, a Igreja Católica é aberta para todas as formas que possibilitem aproximar pessoas de Cristo, através da Santa Eucaristia, seus Sacerdotes, seus Santos (Exemplo vivo de vida cristã), missionários e todos os leigos da Igreja Católica. Devemos defender a liberdade sempre, porém respeitando a fé Cristã, os valores Éticos e Morais da Igreja Católica.
Peço a todos os irmãos em Cristo; independente do caminho de santificação que cada um escolheu; que ao invés de nos dividirmos nas características desta ou daquela religião, possamos (cada um a sua maneira) somar as qualidades que nos unem a Cristo e ser o exemplo vivo do evangelho em nosso dia-a-dia.
Basta aplicar o evangelho nas ações diárias de nossa vida cotidiana, sejam em casa, no trabalho, no ônibus, e em nossa roda de amigos no Happy Hour, etc... Em síntese, o Amor ao Próximo, Respeito Ética, Perdão, Honestidade, tornar o Ser maior do que Ter, são excelentes formas de evangelizar em um mundo que está carente de bons exemplos de vida cristã, que é isto que o Papa Bento e toda igreja pede a sociedade.


Luiz Gesser (Cristão, Católico, com orgulho)
2007-02-26 13:35:28

Até onde irá Bento XVI?

Como a verdadeira igreja cristã seria Romana, se foi Roma que crucificou Cristo. Além disso a pedra a que Cristo referiu ele Ele mesmo (Cristo) e não Pedro. Quanto à história da Igreja Romana, os milhões de assassinados durante os 1700 anos de existência da Igreja poderão clamar aos céus o julgamento de tais atos, que foram contrários ao que Cristo pregou, o amor. Cada um dará conta de si mesmo, pois a alma que pecar, morrerá. Devemos estudar a Bíblia e nos convertermos a Cristo, como nosso Salvador, pois há um só intercessor ante Deus, que é Cristo. Homem nenhum ou qualquer doutrina vai fazer a diferença, pois somente a palavra (Bíblia) pode nos dar entendimento, através do Espírito Santo. Luciano


Luciano.
2007-02-26 13:18:08

Até onde irá Bento XVI?

São Francisco disse: "O Amor não é amado".

Até quando vamos perder tempo de não amar verdadeiramente o Amor?

E o nosso Batismo? Como fica? Temos que exercitar o amor. Temos que tomar cuidado para não tirarmos os olhos da meta, pois, a meta é JESUS CRISTO.

O PRÓPRIO AMOR.
Os pensamentos podem e devem ser diferentes, porém, respeitados. As diferenças é algo bom, mas, a meta não deve ser perdida.

Defendo a exaltação do AMOR DE DEUS POR NÓS!

O amor é, o que o amor faz!
Vamos começar a amar?


Estevam José da Silva
2007-02-26 13:15:39

Até onde irá Bento XVI?

Qualquer Bíblia,escrita em latin,grego,ou qualquer outra lingua,seja do católico ou de qualquer outra denominação,expressa:amor,perdão,misericórdia e fé.Doutrinas não levam a lugar algum.Se Jesus teve mais irmãos,se era loiro,moreno,não importa.O mais importante de tudo,é O PROJETO DE JESUS:EU VIM PARA QUE TODOS TENHAM VIDA E TENHAM VIDA EM ABUNDÂNCIA.
Já passou da hora da cúpula da igreja católica,reconhecer que não pode ficar presa a antigos ritos.É preciso evangelizar de uma maneira mais moderna,aumentando a participação dos leigos na vida das comunidades,com padres mais dinâmicos,que vivam a realidade do lugar que celebram,sem distanciar da prática do MESTRE JESUS.
Com todo o respeito que tenho para com a Sua Santidade o Papa ,não posso aceitar retrocesso na caminhada da IGREJA.
O Concilio Vaticano Segundo,deve sim sofrer algumas modificaçóes,porém,não deve ser ignorado ou suprimido da história da IGREJA,POIS SERIA O MAIOR RETROCESSO DESTA IGREJA.
Como católico,ministro da palavra,tenho o dever de me posicinar contrário a esta iniciativa e sugiro que todas as pessoas comprometidas com o PROJETO DE JESUS,nas suas comunidades,façam abaixo assinados e enviem para o Vaticano.Não podemos nos calar diante desta barbaridade.
JOSÉ ANTÔNIO NEVES


JOSÉ ANTÔNIO NEVES
2007-02-26 13:11:03

Até onde irá Bento XVI?

Como é facil criticar a Igreja, como vende difamar o povo de Deus e os escohidos d’Ele!
O papa Bento foi um dos grandes téologos do Conc Vaticano II, e sempre seu defensor, o texto torce os fatos, interpretando-os segundo uma intenção pré-determinada.
A Igreja progride ao dar a liberdade dos que querem participar da missa em latim, eu que nunca participe de uma, espero ter a oportunidade de participar. Pois sei que ela tem sua riqueza de simbolos.
Aproveitando eu não acho que o sacerdote esta de costas para o povo, no rito antigo,mas que ele está a frente e em nome do povo, oferecendo o veradeiro Sacrificio.


Gilson
2007-02-26 13:05:08

Até onde irá Bento XVI?

Estamos em um retorno gradual à Idade Média e ao conservadorismo. O que esse papa está fazendo é destruindo aos poucos todas as transformações e conquistas do Concílio vaticano II. O que mais impressiona é que ele tenha participado daquele momento histórico para a Igreja e para a humanidade, mas parece que não se deixou levar pelo sopro do espírito, daquele momento. Lamentável ver que a igreja está deixando de ser a igreja dos pobres e dos necessitados... Está se fechando lentamente em si mesma. Queira Deus enviar outro sopro divino logo! Queira Deus que esse papa não destrua o trabalho de João XXIII!


Nascimento (católico, professor universitário, jornalista e lingüistica)
2007-02-26 13:02:34

Glória a Cristo! Viva São Pedro. Salve o Papa!

Não posso acreditar que um doutor em Teologia, científicamente respeitado em todo o mundo, Papa da Santa Igreja Católica Apostólica (não meramente pentateuca ou paulina)Romana ( local da morte do nosso primeiro Papa: São Pedro) seja alvo de ataques de protestantes troca letras... O que esses troca letras sentem é uma tremenda inveja pela história da Santa Igreja De CRISTO (Mt:16, 18). Quem não tem história ataca a dos outros...
Se Cristo realmente quisesse que existisse mais de uma igreja ele teria dito: " edificará aS minhas igrejas" e não edificará A minha igreja, no singular. Aí dirão os protestantes troca letras: ,mais ele diçe no cingular porque a igrega de Cristo é una. (os erros foram propositais, para imitar a intelectualidade protestante)Nesse ponto, eu pergunto: Qual a única igreja milenar que se mantém una? A Católica! O protestantismo criou diversas igrejolas o que invalida a unidade dA ( singular) única igreja de Cristo. Deus é (Trino) Uno, a verdade é una, logo, una é a Igreja de Cristo. A questão é simples:( te darei as chaves do reino do céu: tudo o que ligares na terra será ligado no céu, tudo o que desligares na terra, será desligado no céu)
Quem está com o Papa está com Cristo, quem não está com o Papa não está com Cristo.


Pedro Santos
2007-02-26 12:54:33

Até onde irá Bento XVI? Até onde deixarem!....

Quando muito o ex-nazi fez, foi avivar alguns dos muitos e muitos problemas existentes na velha Igreja católica.
Ele não veio para manter uma pseudo-paz como fez João Paulo II (ou alguém aqui, realmente acha que o cara era "o bicho"?), ele veio para "fazer caquinha" bem no estilo truculento que sempre lhe foi característico!

Será que vamos ouvir uma manifestação aberta contra o homesexualismo e a pedofilia que impera na ICAR? Será que, até que em fim, vamos ouvir algo sobe o fim dessa estupidez chamada celibato que exponenciou em muito os dois problemas anteriores a que me referi?!

Nããã!.. Quando muito vamos ouvir mais alguma agressão velada contra uma outra crença, qualquer crença!


José vasconcellos
2007-02-26 12:47:08

Até onde irá Bento XVI?

Se a celebração sob o o idioma latino é facultativa - como será, realmente- por que o escarcéu? O padre ou o celebrante, que seja diligente, e escute a vontade dos seus fieis paroquianos. Se ele a contrariar, não merece ser condutor de almas, mas de burros!Os católicos( eu o sou)são ingênuos, ingênuos!!..: dando motivos para os "outros" nos ridicularizarem? Já não bastam os exemplos históricos, dos quais, o mais recente é o da Turquia?Vamos ser realmente fieis, e não meros "fieis".De que adianta o debate desta forma e maneira, se assim nós nos dividimos mais ainda?Não doi ouvir dizer que a Igreja deve desaparecer? Sei que apenas se diz, mas quem o diz traz o ódio no coração.Pergunto, afinal: quê é que a Igreja católica fez de BOM e GRANDIOSO, PARA O MUNDO, EM TODA A SUA HISTÓRIA? qUAL A VIRTUDE MAXIMA PREGADA POR ELA? É a caridade?Onde estão os grandes exemplos dados pelos santos? Foram eles infieis, como querem os fundamentalistas e repetidores de textos evangélicos? Nós não lemos a Bíblia?: quê bobagem. Não a lemos, não: praticamo-la. Então, vamos ter pena dos que nos querem imolar, e deixemo-los falar: a carruagem passa..

As iniciais do meu nome dizem tudo. A.M.A.(Salvador, Ba.\


antonio (Tonho)
2007-02-26 12:36:54

Até onde irá Bento XVI?

Olá... "Saudades do carisma de João Paulo II"... diante de tanta discussão, espero que voltem as vendas de indulgências para se alcançar um pedacinho no céu... Espero que os novos cientistas sejam queimados por heresias... Espero que as bruxas voltem a ser queimadas também... Espero que o vaticano se feche cada vez mais em seus segredos, profecias e visões. Espero que retorne o abuso de poder da Idade média... e espero que aqueles que não aceitarem as idéias da igreja sejam perseguidos e excomungados... Já visitei roma e o Vaticano... e é claro que toda aquela riqueza incalculável e maravilhosa tem que ser preservada às custas das imposições... Esta é a minha resposta para a pergunta "Até onde irá Bennedicto XVI"


Latinicus
2007-02-26 12:36:35

Até onde irá Bento XVI?

"Errais por não conhecer as escrituras, nem o poder de Deus." Há um só corpo(esse é a Igreja de Cristo). Todas as denominações são instituidas pelo homem. A revelação que tens, ten-na para ti. Se queres q teu irmão veja a revelação q recebeste de Deus ore e espera q ao tempo Dele revelará (não sai divida e cria uma outra instituição). O crer vem pelo ouvir a palavra de Deus, isso é ter revelação direta de Dele(Jesus o Cristo). Ele quer que andemos como antigamente sim mas na direção somente Dele. Tu e Cristo nem um homem sendo mediador, pois Jesus é o único mediador entre Deus e os homens.É Ele que nos ensina o que é útil e nos direge no caminho que devemos seguir.(Hb)


Rozane
2007-02-26 12:31:14

Até onde irá Bento XVI?

Existem muitos católicos no Brasil e em outros países que preferem participar de missas rezadas em latim.
Acho que o papa Bento XVI deveria autorizar que em cada arquidiocese existisse pelo menos uma paróquia onde estas missas pudessem ser realizadas.
Ficaria a critério de cada fiel escolher
qual o tipo de celebração que desejaria participar, se a missa em latim ou aquela expressa em seu próprio vernáculo.
E pronto, sem traumas religiosos, psicológicos ou outros...
Nelson


Nelson
2007-02-26 12:09:13

Até onde irá Bento XVI?

É pelo andar da carruagem, este Papa tem vida curta (espero), caso contrário em breve estaremos seguindo rumo a Jerusalem para tomarmos a terra santa em nome de Deus, igualzinho era feito nos tempos das cruzadas, daqui a pouco ele vai querer também queimar as Bruxas......


Católico Estudioso mas revoltado
2007-02-26 11:20:14

Até onde irá Bento XVI?

Até onde o Espírito Santo quiser !!!!


Iara
2007-02-26 11:14:51

Até onde irá Bento XVI?

ele está fazendo a parte dele... os próprios católicos que o escolheram... que seja feita vossa vontade. Uma discussão dessas só remete às autoridades católicas....



2007-02-26 10:01:58

Até onde irá Bento XVI?

Aprovo fervorosamente a atitude do papa.A litutgia e séculos de tradição fazem parte da elevação do espírito. Não são as palavras em língua nativa que elevam o espírito a Deus na hora da missa; é a atitude. Sedntia falta do rito antigo. Graças a Deus que voltou. Parabens ao Papa.


Expedito Moreira
2007-02-26 09:39:05

Até onde irá Bento XVI?

Isto é pura histeria. O papa está, acertadamente, derrubando uma proibição de tal celebração e não tornando-a obrigatória. Temos de parar de dar ouvidos a tanto agitador. Católico deve se orientar com a Igreja, que está sim fundamentada no evangelho. As leis canônicas, para quem conhece, trazem em si as citações bíblicas que lhes dão respaudo. Falta conhecimento verdadeiro da Igreja. Há muito PHD em doutrina, em religião e em Cristo, mas, estes mesmos pregam que caridade não salva, mas "somente a fé", pois bem, enquanto isso pessoas, filhos de Deus, morrem de fome, de violência e outros motivos vergonhosos em nosso país que se diz cristão. Estará Cristo contente conosco? Nossos pecados estão superando nossa capacidade de amar. Enquanto isso, insistimos em dizer que conhecemos a bíblia. Que grande sonho é: não só conhecer, mas antes viver o que está escrito na Palavra de Deus. Enquanto queremos encher nossas igrejas, atrás, em muitos casos, só dos 10% do dízimo. o carnaval cresce com suas absurdas formas de pecado, a criminalidade aumenta, a fome mata. Unidade é o que falta aos cristãos. Sem pedras, acusações ou ofensas, pura picuinha. Nosso Senhor não merece isto Viva a unidade! Não à divisão. Bendito e adorado seja Jesus, nosso salvador. Vida longa ao papa. Chega de perseguições. Abramos o nosso coração ao verdadeiro amor, Cristo. E adandonemos nossos interesses mesquinhos. Saibamos ser verdadeiramente IRMÃOS.



2007-02-26 08:59:06

Até onde irá Bento XVI?

Sou Católica, amo a Igreja, amo o Papa, e amo esta liturgia em que o povo participa, ergue os braços em louvor, este jeito novo do Espírito Santo agir dentro da Igreja... em tudo isto tenho receios da missa em latim esfriar + os fieis, pois realmente vemos muita
dispersão durante as celebrações, falta de respeito mesmo com o celebrante que é o próprio Jesus... porém sei que a Igreja é de CRISTO, e as portas do inferno não prevalecerá sobre ELA.


VERA jUSCELINO
2007-02-26 08:37:19

Até onde irá Bento XVI?

a igreja catolica deveria e incentivar seus fieis a ler a biblia, profecia , livro de Daniel e Apocalipse. e se prepararem para a volta de Cristo. Mas como os catolicos sao (ignorantes_) quanto ao conhecimento bib lico, esses lideres fazem o q querem. querem perpetuar no poder, controlar as pessoas. Lideres nao tocam em assuntos importantes relacionados a religiao, como: q devo fazer para ser salvo. "EXAMINAI as escrituras pois cuidais ter nela a vida eterna"(Jesus) duvidoq se um catolico estudAR A BIBLIA , VEJA BEM ESTUDAR , vais descobrir coisa preciosas e duvido se continuara catolico.



2007-02-26 06:23:26

Até onde irá Bento XVI?

Muito interessante.
O Papa Bento XVI quer que volte a missa em latim.
Logicamente ele não obrigará que todas as comunidades sejam desta forma. Acredito que seja opcional ou que pelo menos algumas comunidades adotem o modo. Que os católicos tenham a opção de escolher onde e horário de "participar" da santa missa, tudo bem...Caso contrário, já imaginaram um brasileiro que pouco conhece de nossa língua e que já se despersa na missa em português assistindo a missa em latim?!
Ele vive no glamour da europa (França), se vivesse no Brasil não teria obrigado o Leonardo Boff calar a boca. Em breve as mulheres terão que usar véus para "assistirem" a santa missa em latim.
Só falta obrigar todos os padres usarem BATINA, já imaginaram?!
Se vc é a favor da volta da missa em latim, imagine-se participando (assistindo) da celebração se for em russo, alemão, japones... ou quem sabe de uma língua extraterrestre?!
Muitos dos nossos padres não dominam nem a nossa língua com a sua certidão...vai virar... meus Deus, nem sei o que!


Realista
2007-02-26 05:38:43

Até onde irá Bento XVI?

Graças a Deus que o Brasil ,já eh o maior país protestante do mundo.
Cada dia mais, as vidas tem conhecido a verdade que eh Jesus e tem sido libertas da religiosidade que nao leva a lugar algum, a nao ser a morte espiritual.
Cris



2007-02-26 05:11:34

Até onde irá Bento XVI?

O que preocupa é que, com o tempo, a missa em latim passe a ser obrigatória.
Falo especificamente no caso do Brasil, pois boa parte da nossa população não conhece direito nem o próprio idioma.
Aliás, proponho um teste: coloque-se diante de um cidadão de cultura mediana algum texto tirado de um processo judicial, recheado de expressões em latim e peça-se para interprtá-lo.
Depois envie-se o resultado a Sua Santidade...



2007-02-26 04:41:02

Até onde irá Bento XVI?

Prezados irmãos em humanidade.
Toda esta celeuma, em função de algo que perturba o homem desde tempos imemoriais!
O "PODER", a busca incessante dos bens ma
teriais, aos quais se dá mais valor que à
busca pelos bens espirituais!
É interessante que, JESUS, não instituiu
religião alguma, e todas se ufanam de ser
a religião da verdade! Ah se eu pudesse,
perguntaria a JESUS o que ELE acha de tudo isso! Gente, Jesus é altruísmo, amor incondicional, caminhemos de mãos dadas
com JESUS, tudo o mais virá por acréscimo.
Lembremo-nos que certa vez JESUS disse:
Eu trabalho e o Pai trabalha aínda também!
Façamos a nossa parte, somos seres inteli
gentes e capazes de fazer a nossa parte, o
próprio JESUS assim afirmou.
Nós temos que nos imbuir de religiosidade,
em todos os nossos atos, nos compenetrando da religiosidade do próprio JESUS, pois
na prática foi este o seu legado!
Chega de tanta religião, vamos adquirir
mais RELIGIOSIDADE,fazendo conforme JESUS.
Caminhemos de mãos dadas com o MESTRE, e
estaremos colaborando decisivamente na grande obra do PAI, que muito nos ama e almeja o sucesso de todos nós, pois segundo afirmativa do próprio JESUS, o PAI, não quer que uma só ovelha se perca!
Confiemos, JESUS está no leme, façamos a
nossa parte, cada um na sua religião se assim achar necessário, pois repetimos: JESUS não instituiu religião alguma!
Muita Paz a todos.


Um irmão confiante em JESUS.
2007-02-26 04:31:26

Até onde irá Bento XVI?

Gostaria que os católicos e os denominados "cristãos" lessem mais e refletissem sobre os textos evangélicos, sobre a doutrina real de Cristo. O que acontecia na Igreja Primitiva não se procura saber com profundidade. Os cristãos de então viviam em perfeita comunidade, por exemplo de que "entre eles ninguém passava necessidade, pois aqueles que possuiam terras ou casas as vendiam, traziam o dinheiro e o depositavam aos pés dos apóstolos. Depois era distribuido conforme a necessidade de cada um". (At. 4,34). "A multidão dos fiéis era um só coração e uma só alma. Ninguém considerava suas as coisas que possuia, mas tudo entre eles era posto em comum". (At. 4, 32). Hoje parece que a quantidade prevalece sobre a qualidade de "cristão". Mas, o mais importante não acontece, que é "amar ao próximo à maneira de Cristo". Não haveria fome, nem miséria, nem assaltos, nem crimes, nem cadeia, nem guerras, porque todos viveriam à maneira de Cristo, amando seu próximo como Cristo amou a todos os seres humanos. Quem divide realmente seu dinheiro, sua fortuna para aliviar as necessidades dos pobres, dos famintos? Eis a pergunta! Discutir se a missa deve ser em latim, em aramaico, em russo, ou em português não é a essência da vida de um cristão. Cada um ore ou reze como quiser, desde que aceite e pratique as verdades propaladas por Jesus Cristo. E lembro ainda: como será o Juizo Final? Como estarei preparado para a sentença:"tive fome e não me deste de comer; com sede e não me deste de beber; eu era forasteiro, e não me recebeste em casa; estive nú e não me vestiste; doente e na prisão e não foste visitar-me" (Mt. 25,42-43). Isso sim é que deveria ser um tema para muita discussão. Depois, será muito tarde. O resto é resto! Balelas literárias, discussões que não levam a nada, nem melhoram a situação dos menos favorecidos pelo meio em que nasceram.


Heráclito Machado Sandano
2007-02-26 03:25:18

Até onde irá Bento XVI?

Tudo na vida obedecem um certo ritual de mudanças.É o que faz a cada momento a própia mãe-natureza. Deus está acima de coisas terrenas e extemporâneas. Conversar com Deus requer amor a humanidade, respeito e sinceridade.É isso justamente o que procura o nosso Papa Bento XVI. O resto é resto e assunto para criar polêmicas infundadas e que só interessa a algumas facções ...Luiz Lacerda



2007-02-26 03:15:50

Até onde irá Bento XVI?

Nao tenho muito o que falar, mas quando falo ,nao posso falar de mim mesmo,so posso falar da biblia a palavra de Deus.pois ela contem a verdade sobre Deus e o que ele reque de nos. a verdade e que nao existe. 1=Inferno um lugar onde pessoas sao jogadas para sofre eternamente.2=Alma Imortal porque a biblia diz que alma que pecar ela que morrerar.3=trindade Jesus Cristo,Deus e o Espirito Santo,uma so pessoa,nao e verdade a biblia diz quando Jesus foi batizado o ceus se abriram e uma voz dizia este e meu filho amado e o Espirito de Deus caiu sobre Jesus.


Batista
2007-02-26 03:09:49

Até onde irá Bento XVI?

Gosto desse Papa, vejo-o sincero e sem hipocrisia! Seria tão bom se conseguisse que "os fiéis católicos" aprendessem a serem verdadeiros, aprendessem que a transformação vem de dentro e não de fora, aprendessem que ninguém derroga a natureza, ela não dá saltos. O Papa é inteligente, percebeu que os "misseiros" lêm e falam o "livreto" da missa como papagaios, os cantos, então, mais parecem aqueles "choros" de viuvas. Tomara que Êle acerte. Não sou misseira, sou péssima católica, mas valorizo quem "vem" prá agir como "Jesus no Templo". Coitado! e falta muito ainda. Desejo-lhe muita sorte vai encarar "cobras e lagartos".


Mônica
2007-02-26 02:38:36

Até onde irá Bento XVI?

O que me assusta é quanta gente dá ouvidos para este papa e seu discurso provocador, retrógado e destinado à beligerância no interior e fora da igreja católica romana. Quando o momento exige desenvolver e dar exemplo de alta diplomacia, ele perde a oportunidade de calar a boca. Que as coisas se passem internamente no eterno jogo do vamos deixar como está para ver como fica é esperado e até bom; o que não se tolera é o risco em que Bento XVI nos coloca a todos, porque quer, decidiu ou porque sim. Estamos fartos de infantilidades que causam terror. Menos, por favor.


Anna
2007-02-26 02:31:44

Até onde irá Bento XVI?

legal a missa en latin, pois os catolicos
nao ler a biblia , nao faz diferenca .
fica mais facil ser catolico,
pois na biblia diz examinas as escrituras
para ter nela a salvacao, como nao se entende nada en latin, fica no mesmo.
sem examinar as escrituras , e indo na
conversa dos padres, papas e pastores.
gente vamos examinar as escrituras,
ver as verdades que existen neste livro
sagrado, e viva deus, viva jesus suas palavras, e sua lei deixada no livro de exodo. um abraco a todos e espero encontrar com cada um de voces no ceu ,debaixo da arvore da vida . pois cristo en breve virar .prepara-te.....



2007-02-26 01:59:52

Até onde irá Bento XVI?

Esta matéria não expressa a valorização de um retorno às tradições rituais da celebração da missa em sua versão de Pio V.Ela tem que ser vista como abertura para que a Missa Católica se realize segundo formas diversificadas e atualizadas, segundo as diferentes culturas.


Prof. José Vicente de Andrade
2007-02-26 01:57:10

Até onde irá Bento XVI?

Não foi o Papa que jogou dois aviões nas torres gemeas e explodiu o metro de Madri e de Londres!


Paulo Bandarra
2007-02-26 01:32:49

Jesus nao tem nada a ver com isso

Sou católico desde que nasci, fui catequista, ministro do altar, músico na Igreja. Vejo tudo isso e fico triste, sabendo que, cada vez mais, nos afastamos do ideal de Cristo e dos 2 mandamentos fundamentais deixados por Ele. Parece que religião virou esporte ou política apenas, fé e obras que é bom, NADA!


Saulo
2007-02-26 01:28:51

Até onde irá Bento XVI?

Não sou tradicionalista, minha geração curtiu o melhor da MPB e do Rock, todo mundo namorou um monte de mulher, consumiu drogas, etc, mas sou católico, rezo todo dia e sou devoto de Nossa Senhora e Frei Galvão.

Gostei da decisão de retomar missas em Latim. A liturgia da igreja atual é chatíssima, por isso a redução de fiéis frequentando a igreja. As músicas são ruins, basta compararmos com qualquer música barroca dos séc.18.

Deveriam contratar compositores bons para comporem hinos de louvação - Milton, Caetano, Paulinho da Viola, Gil, Paulo César Pinheiro, etc.

A missa deveria propiciar alegria, fé, e não tédio.

Com a opção da missa em Latim, pelo menos podemos apreciar a beleza histórica do ritual e dialogar com Deus e um momento que propicia a meditação.

Que prevaleça a diversidade.

André Galvão de França


André Galvão de França
2007-02-26 01:27:53

Até onde irá Bento XVI?

VIVA O PAPA!!!!


Luis Fernando
2007-02-26 01:19:43

Até onde irá Bento XVI?

Sou totalmente a favor do retorno da missa em latim. Quem não quer é porque tem total desconhecimento do sentido da missa, e simplesmente repetem o que jornalistas, protestantes, ateus e maçons falam. Se essa missa voltar todas as seitas irão cair. Ah sou jovem tenho 21 anos.



2007-02-26 01:17:29

Até onde irá Bento XVI?

esse papa é esperto vem ao brasil pois os evangélicos estão tomando espaço



2007-02-26 01:09:27

Até onde irá Bento XVI?

Bento XVI,contribui definitivamente para espalhar confusão entre os fiéis e afastar os jovnes de uma possível vida celibatária a serviço de DEUS.
É a continuada redução de católicos por todo o mundo e especialmente nos paises latinos.
Bento XVI quer voltar ao século XVI.
Enquanto isso proliferam e crescem o número de membros nas igrejas protestantes.
Avançar, evoluir,conquistar novos fieis, esta deve ser a marca da nossa Igreja, a ainda maior do mundo.


Eduardo
2007-02-26 01:07:02

Até onde irá Bento XVI?

O texto esta bem escrito. Agora é claro que essa discussão irá onge. Penso que os 09 anos deexperiencia das duas missas na mesma paroquia tendo revelado problemas mostra que tambem a RCC e as CEBs tiveram esse embate. Venceu a RCC - pois quem tem dinheiro tem poder e poder dá prazer. De fato com o decorrer dos anos, com a opus dei e outras e com o dinheiro vindo de mil esconderijos vencerá os que fazem a linha do poder centralizado - os tradicionalistas tendo em vista que hoje mesmo em faculdades tidas como progressistas um enorme numero de pequenos seminaristas ja ensaiam seus dedos para o episco’pado bem tradicional e ded fato serao eles o futuro - e que futuro???
Prefiro ded fato algo alternativo - sou anglicano - faço parte da igreja catolica de Cristo e pronto - naotenho nenhum problema de nao estar sobre a guarda papal - porem estounuma Igreja episcopal com ordem, hierarquia, liturgia e doutria, porem esta ultima procura pensar na pessoa, no "pecador" como Jesus - inclusão e nao exclusão por mera jurisdição canonica - mais Evangelho de Cristo e menos leis canonicas.
Eles que se degladiem pois quero asistir de camarote.
Luiz - fiel anglicano da diocese anglicana de são paulo.


Luiz - anglicano de são paulo
2007-02-26 01:05:20

Até onde irá Bento XVI?

comoex seminarista fico chateado em ver que a igreja catolicaem vez de avançar ela cada ves mais recrede.


julio lazaro torma
2007-02-13 18:32:27

BUSCA

» por tema
» por país
» por autor
» no diplô Brasil

BOLETIM

Clique aqui para receber as atualizações do site.