Jornalismo Crítico | Biblioteca e Edição Brasileira | Copyleft | Contato | Participe! |
Uma iniciativa


» Por que murchamos os pneus de SUVs

» Retrato do esgotamento dos comerciários digitais

» Golpes no Brasil (I): Uma república febril e oligarca

» Cinema: O dom de iludir

» Maranhão: CNBB denuncia a barbárie do “agro”

» 29 de junho de 2022

» Boaventura: o encolhimento do Ocidente

» Contramemória: Modernismo em alta voltagem política

» WikiFavelas: As lutas LGBTI+ pela saúde pública

» WikiFavelas: As lutas LGBTI+ pela saúde pública

Rede Social


Edição francesa


» Le poids des pamphlets, le choc des classes

» En Russie, réprimer plus et enfermer moins

» Apprendre à nager n'est plus donné à tout le monde

» Bouillonnement de l'art contemporain africain

» Les Sri-Lankais défient le pouvoir

» Clarice Lispector, l'étoile de Rio

» Séparatismes ukrainiens

» Les mineurs, la mer et autres histoires

» Le droit à l'avortement menacé

» Occident contre Occident


Edição em inglês


» Fragmented Yemen

» Ukraine's logistical crisis

» Tensions and blackmail over Western Sahara

» Migrants still risk their lives to reach England

» Africa: agribusiness or diversity?

» Poisoning our oceans

» UN Earth Summits: how the rot set in

» In Mexico, will slow and steady win the day?

» Sri Lanka plunges into crisis

» Uncertain loyalties and competing narratives


Edição portuguesa


» Que pode o teatro face ao crescimento das extremas-direitas?

» Mapeamento de uma arte político-social: "Untitled", de Paula Rego

» Assembleia-Geral da Outro Modo

» O problema da riqueza

» «Sangrar a Rússia»

» Vulnerabilidades territoriais: o que se pode aprender com a crise pandémica?

» O paraíso da inovação militarizada

» Mineração em mar profundo: para quê destruir os fundos oceânicos?

» O lado oculto das cimeiras da Terra

» Viagem ao fim da Transamazónica


Comentários sobre esse texto:

Por um novo projeto europeu

ProtoIndoEuropeu
AmazonicAmerindiAfroBrasiLatinizaMundi ?
Ingressarão na União Européia ?
Sobram razões históricas e laços afetivos.
Ou serão novos agiotas exigindo juros e ligeireza ? Terão como os primeiros europeus, a mesma sêde de cobiça que fizeram sangrar o primeiro ameríndio de tantos mais ?
A Internacional do Capital já socializou o prejuizo. Falta socializar juros, dividendos, rendimentos, patrimonio, territórios, a todos os habitantes do planeta TERRAGUAR .
ComidaInstruçãoTrabalhoCulturAmorTerra - TICTAC BELO JUSTO SAUDÁVEL
ProtoIndoEuropeuAmazonicAmerindiAfroBrasiLatinizaMundi ?
JoséOliveiraLuiz,68,poeta,ator,escritor.


José de Oliveira Luiz
2007-05-31 21:28:45

Por um novo projeto europeu

Agradeço-lhes as informações. Respondem a perguntas que me faço sobre as discordâncias na EU. Continuarei lendo o que me oferecem para me "desasnar", como me referia um velho amigo que conheceu Roquete Pinto e o citava. Agora sou eu que lhes ofereço a palavra, útil nesta mídia de poucas alternativas no mundo globalizado e pouco civilizado.


Inez
2007-05-23 05:31:47

BUSCA

» por tema
» por país
» por autor
» no diplô Brasil

BOLETIM

Clique aqui para receber as atualizações do site.